Presidente não pensa em mudanças na comissão técnica e cobra mais atitude de atletas

Seja que resultados o Corinthians obtiver nas 17 rodadas que faltam para acabar o Campeonato Brasileiro será Tite o técnico da equipe até dezembro. O presidente Andrés Sanchez deixou claro que a culpa pela queda de rendimento no torneio é culpa dos jogadores e que nem uma derrota “por 10 a 0” para o Flamengo, na quinta, o fará mudar de ideia.

Anderson Silva recebe de Andrés Sanchez a camisa do Corinthians
Gazeta Press
Anderson Silva recebe de Andrés Sanchez a camisa do Corinthians

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

“Nós estamos, com todo respeito aos adversários, entregando mais uma vez como no ano passado. E nesse ano de novo. Não vamos dar sorte em todas rodadas como nessas que estamos agora”, disse Andrés, após apresentação do lutador Anderson Silva . “É hora de acordar, se não vai ficar difícil. A sorte está nos acompanhando, mas ela acompanha quem trabalha e está todo mundo trabalhando”, completou.

O Corinthians somou 12 dos últimos 33 pontos que disputou, mas nem assim deixou a liderança escapar. O time é líder há 15 rodadas seguidas. “Pelo desempenho que vinha tendo, nas 10, 11 últimas rodadas estamos dando muita bobeira e tomando muitos gols bobos”, avaliou o presidente, eximindo o técnico Tite de toda responsabilidade.

“O Tite é o treinador e não se fala mais nisso. Pelo amor de Deus. Os jogadores que chegaram atrasados a treinos nesse ano (Alex, Emerson e Jorge Henrique) foram multados por isso, mas é preciso estar mais comprometido. O elenco é o mesmo que começou o campeonato daquela forma espetacular (com nove vitórias em dez jogos)”.

O jogo contra o Flamengo, na quinta-feira, no Pacaembu, não é visto por Andrés como decisivo para a permanência ou não de Tite no cargo. Andrés até ironiza. “Pode perder até de 10 a 0, não tem problema. O Tite mesmo falou. Se tem que demitir, tem que demitir o Vanderlei (Luxembrugo), o Adilson (Batista), o Joel (Santana), que já saiu. Todos os outros 19, então, tem que sair porque não são líderes”, disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.