Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Andrés compromete receitas dos próximos 4 anos para ter Tevez

Presidente confirma proposta ao Manchester City e a pagará com receitas de TV dos próximos anos

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O presidente do Corinthians , Andrés Sanchez, disse em coletiva de imprensa nesta terça-feira que fez uma proposta superior a R$ 90 milhões ao Manchester City para contratar Carlitos Tevez . Ele ainda disse que, para pagar esse valor, comprometerá de 20 a 25% das receitas de TV que o clube receberá nos próximos quatro anos.

AE
Tevez tem contrato até junho de 2014 com o Manchester City

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

"Quando eu estive na Argentina para o primeiro jogo do Brasil, estive com o Adrian Rocco (representante de Tevez) e por telefone falei com o Tevez. A proposta é pra ter o Tevez por quatro anos, e a compra dos direitos federativos vai ser paga com 20% a 25% das cotas de TV que a gente vai receber no ano que vem. De 20% a 25% serão destinados a pagar o Manchester City". O acordo do Corinthians com a Rede Globo, assinado neste ano, é de R$ 92 milhões por ano entre 2012 e 2015.

Entre para a torcida virtual do Corinthians

O clube inglês confirmou que recebeu a proposta do Corinthians. Mas, de acordo com informações da ESPN, o valor de cerca de 40 milhões de euros foi rejeitado. O presidente corintiano negou que possa fazer outra proposta pelo jogador. “Posso pagar o que está na proposta. Mais que isso não”, disse.

Durante a coletiva, ao ser informado que a proposta teria sido rejeitada, disse que a negociação, assim, também estaria encerrada. “Então acabou, já não tem mais Tevez no Corinthians. Mas não me falaram nada", disse. "O Corinthians não paga 50 milhões (de euros, valor pretendido pelo City)", sentenciou Sanchez.

Antes da informação, Andrés comentou sobre a ligação de Kia Joorabchian com o jogador. O empresário iraniano, ex-parceiro do clube quando dirigia a MSI, entre 2005 e 2007, foi quem colocou Tevez no Corinthians na época. Indiciado pela Justiça por formação de quadrilha e lavagem de dinheiro, após investigações da Polícia Federal do Brasil, Kia, segundo Andrés, não tem mais nenhum vínculo profissional com Tevez.

"O empresário dele é o doutor Adrian Rocco e eu não falei com o Kia, que é muito amigo dele (Tevez). O Kia tinha os direitos dele e vendeu 100% para o City. O que não posso é perder um jogador do nivel do Tevez para outro time brasileiro. Fiz uma proposta que acho irrecusavel. Agora depende do Manchester City", disse. "Sobre o Kia, é claro que ele deve estar sabendo do negócio, eles se falam, mas não tem a ver mais Kia e Corinthians. A MSI no Corinthians encerrou sua passagem em junho de 2007. Acabou".

Para ter Tevez neste ano, o Corinthians precisa, além de convencer o City, correr contra o tempo. A janela de transferências se fecha em 20 de julho. "Tem de aceitar até o dia 19, porque dia 20 fecha a janela".

Leia tudo sobre: corinthianstevezargentinamanchester city

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG