Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Andrés alivia Adriano e defende que ele “encha a lata” na folga

Presidente corintiano espera que jogador ajude ao menos um pouco na reta final do Brasileiro

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O presidente do Corinthians , Andrés Sanchez, ignorou o custo-benefício de Adriano no clube e até incentivou que o jogador extrapole os limites durante suas folgas. Para Sanchez, apesar de o jogador ter entrado em campo em apenas dois jogos da campanha, ele tem todo o direito de “encher a lata” nos dias livres.

Gazeta Press
Adriano não treinou no campo nesta quarta

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

“Ele tomou só chopp? Devia ter tomado uísque, que não engorda, né? Eu não sou babaca. Ele que faça o que quiser na folga dele. Ele vindo aqui e treinando no horário certo eu não estou preocupado. Ele que beba e encha a lata quando quiser”, disse Andrés.

Leia também: Tite admite que estreia de Adriano foi precipitada

Adriano tem o maior salário do Corinthians. Segundo Sanchez, ele recebe R$ 380 mil mensais. Nem assim, tendo um jogador tão caro e tão pouco assíduo nos últimos jogos do time, o presidente alivia no discurso complacente com a vida fora do clube que o “Imperador” pode levar. Perguntado se atitudes de Adriano fora de campo não atrapalham sua recuperação, Andrés concordou, mas disse que não pretende interferir.

E mais: Tite dá mais tempo de treinos a Adriano e não confirma retorno contra o América-MG

“Atrasa (a volta), mas ele é ser humano. Eu vou proibir ele de beber? De dormir às onze horas da noite e ter que dormir às oito? Tomar café sete e meia da manhã? Almoçar meio-dia? Na folga dele ele faz da forma que ele achar melhor. Ele é atleta e sabe o que é bom e o que é ruim pra ele”, comentou. “Sei que é difícil, para um jogador de 100 quilos, do porte dele, ter essa recuperação”, completou.

Em fim de mandato, Andrés não se aprofundou sobre o futuro de Adriano no Corinthians. O presidente sairá de licença em 15 de dezembro, quando seu vice, Roberto de Andrade assumirá o cargo até as eleições de fevereiro. Adriano tem contrato até 30 de junho de 2012 .

“Ele tem contrato até julho, está demorando um pouco mais para ele entrar em forma como a gente desejava e esperava, mas está trabalhando aí, forte, e vamos ver se ele ajuda nos próximos jogos. A partir de janeiro, sobre renovação, perguntem para o Roberto como vai ser”, disse Andrés.

Adriano foi contrato pelo Corinthians em março. Ele chegou ao clube com uma lesão no ombro direito e em 20 de abril, durante sua recuperação, acabou rompendo o tendão de Aquiles do tornozelo esquerdo. A previsão de volta foi estipulada em cinco meses e sua estreia aconteceu em outubro. O jogador esteve em campo por menos de 45 minutos somados nos duelos contra Atlético-GO e Botafogo, quando entrou no segundo tempo.

Depois dos dois jogos, Adriano ficou fora da lista de relacionados dos jogos contra Cruzeiro, Internacional e Avaí. Tite e os preparadores físicos do clube esperam por sua evolução nesta semana para na sexta-feira definir se ele irá ou não para o jogo contra o América-MG, no domingo. Adriano treinou no campo na terça-feira com reservas e jogadores da base, mas nesta quarta, fez apenas trabalhos físicos na academia do CT.

null

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011adriano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG