Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

André Luis admite surpresa por voltar ao Fluminense

Após pedir para ser liberado há cerca de um mês, zagueiro foi surpreendido pelo convite da diretoria

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

De “férias” forçadas por ele próprio, André Luis foi pego de surpresa. Após duas tentativas frustradas de fechar contrato com um time da Coreia do Sul e com o Atlético-PR, o zagueiro reconhece que não esperava o telefonema de Mário Bittencourt. O assessor da presidência do Fluminense o convidou para retornar ao clube das Laranjeiras.

“Fiquei surpreso, e muito feliz também. Eu queria era ter oportunidade de jogar, por isso pedi para ser liberado pelo clube. Eu tinha uma boa proposta e fui atrás dos meus objetivos. Infelizmente as propostas não foram boas para mim e preferi não assinar com ninguém. Sinceramente, não esperava voltar para o clube”, afirmou o zagueiro.

Photocamera
O zagueiro André Luis (à esquerda) corre ao redor do gramado durante treino do Fluminense
Apesar de só ter sido procurado pela diretoria após as lesões de Digão e Leandro Euzébio, que não poderão mais atuar pelo Fluminense na fase de grupos da Libertadores, André Luis afirma que não ficou magoado. Tampouco se sentiu incomodado.

“Não tenho o direito de ficar chateado, até porque fui eu que pedi para ser liberado. O Fluminense não me mandou embora”, afirmou André Luis, acabando com qualquer boato de que sua saída tenha sido causada por problemas de indisciplina.

“Não houve indisciplina, muito pelo contrário. Quando eu cheguei, lembro que todos diziam que eu era indisciplinado e que arrumava tumulto o tempo todo. Daí eu fui conversar com o Muricy e com o Alcides Antunes e disse a eles que estava chegando para trabalhar, que não iria criar problema e que só queria ajudar o Fluminense”, concluiu, citando o então técnico e o então vice de futebol, ambos longe do clube.

Apesar de ter tido poucas oportunidades de jogar com Muricy Ramalho, André Luis negou qualquer tipo de problemas com o treinador.

“Tivemos a defesa menos vazada do Brasileiro com o Leandro Euzébio e Gum e ainda tinha o Digão voltando em excelente fase. Muricy é um excelente profissional, vencedor, campeão e viu o que era melhor para o clube”, explicou André Luis.

Após ser reintegrado, o zagueirão vai precisar de um pouco mais de paciência para atuar. Afinal, o técnico Enderson Moreira descartou sua participação no jogo contra o Volta Redonda, no próximo sábado.
 

 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG