Jovem meia-atacante Leandro fez a estreia pelo Grêmio e usou a camiseta do companheiro mais famoso

Foi uma tarde diferenciada para o atacante André Lima . O jogador fez dois gols, criou uma nova marca e ainda serviu de amuleto para um jovem garoto.

“Temos que respeitar as equipes pequenas, mas conseguimos impor nosso jogo. O nome Guerreiro Imortal já estava vindo. Pedi ao presidente para usar o número 99 e agora o Guerreiro Imortal tem um número”, contou.

André foi quem colocou o Grêmio na frente na goleada de 5 a 0 sobre o Ypiranga. Foram duas bolas na rede em 25 minutos. O atacante entrou em campo com a camisa 99. Segundo André é uma nova marca: “Guerreiro Imortal Tricolor”, adotando pra ele um apelido dado pela torcida ao time: Imortal tricolor.

O jogador pretende usar este número em quase todos os jogos, com exceção da Libertadores, onde está inscrito com a 21. E aí vem a terceira parte da história: Como André Lima estava com a camiseta 99, o garoto Leandro, de 17 anos, saiu do banco vestindo a 21. Em sua estreia pelo profissional o jovem marcou o quinto gol, fechando a goleada dos donos da casa.

“Pode ser que o número tenha dado sorte, sim”, comemorou Leandro, que levava sobre o número uma fita cobrindo o nome de André Lima no uniforme.

André Lima brincou com o feito e confirmou que deu “pé quente” para o garoto. Ele ainda brincou que espera receber o número de volta para poder enfrentar o Júnior de Barranquilla na quinta-feira pela Libertadores.

“Ele está de parabéns. É um menino e tem muito o que aprender. Tem que ter cabeça no lugar, não deixar o sucesso ir à cabeça. É raro ter um jogador novo com tanta qualidade. Que ele continue assim. A camisa deu sorte, sim. Estava meu nome na camisa da Libertadores. Deu sorte. Espero que ele me devolva”, disse André.

O Grêmio embarca para a Colômbia nesta terça-feira. Na quinta, às 23 horas e 45 minutos, o adversário será o Júnior de Barranquilla. Os colombianos também venceram na primeira rodada da competição sul-americana.

André Lima ao lado do garoto Leandro na sala de entrevistas do Olímpico
Gabriel Cardoso
André Lima ao lado do garoto Leandro na sala de entrevistas do Olímpico

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.