Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Amigo de Eurico, Edmundo diz que gestão Dinamite é melhor

Vascaíno assumido, ex-jogador destaca democracia do atual presidente e aposta no título da Libertadores

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

Hilton Mattos
Edmundo chorou durante coletiva após a partida de despedida
Edmundo nunca escondeu sua relação com Eurico Miranda. O ex-jogador, revelado pelo Vasco, teve outras quatro passagens pelo clube até encerrar a carreira: todas sob a gestão do afastado cartola. Nesta quarta-feira, o dirigente esteve em São Januário prestigiando a festa de despedida do "Animal" – não pisava no clube para assistir a uma partida há quase quatro anos. Porém, ainda que os dois costumavam se tratar como “pai e filho”, Edmundo, ao comentar os dois modelos de gestão, apoia a administração de Roberto Dinamite.

Leia também: Edmundo se despede do Vasco com goleada e estádio lotado

“Todo mundo sabe do amor do doutor Eurico pelo Vasco. Muitas vezes, ele é mal compreendido, mas fez tudo pelo Vasco e vivia 24 horas o clube. Mas hoje a gente vê que a chegada do Roberto foi mil vezes melhor para o clube. Vemos isso”, analisou o ex-atacante, autor de dois gols na goleada de 9 a 1 sobre o Barcelona de Guayaquil.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Edmundo se refere à nova imagem do Vasco na mídia e no campo dos negócios. Além de um clube mais simpático, ele embra a chegada de novos patrocínios, investidores, aumento de patrimônio e montagem de um elenco convincente. Sob o comando de Eurico como presidente, o Vasco conquistou apenas o Carioca de 2003. Os times eram limitados e as campanhas eram arrastadas.

Confira ainda: Edmundo diz ter tirado peso das costas como vascaíno

Hilton Mattos
Eurico acompanhou a despedida de Edmundo em São Januário com seu tradicional charuto

Como Roberto, houve o título da Série B e a Copa do Brasil. Roberto, mesmo sabendo da relação de Edmundo com Eurico, deixou a política de lado e ofereceu um jogo de despedida ao Animal. Grato ao gesto do atual presidente, Edmundo também minimizou seu passado com o ex-cartola - a relação entre ambos nunca foi amistosa. Mesmo sendo amigo pessoal de Eurico, faz questão de elogiar seu desafeto.

E mais: Longe do Vasco desde 2008, Eurico reaparece e rasga elogios à Edmundo

“Eu não quero tomar partido de ninguém. Hoje o Eurico esteve aqui vendo o meu jogo, não sei como vai ficar a relação deles dois, mas, para mim, não importa. Eu sou Vasco. O que importa para mim é o Vasco. E este Vasco hoje está me animando”, reiterou.

VEJA FOTOS DA DESPEDIDA DE EDMUNDO EM SÃO JANUÁRIO

"Vejo um grupo forte, um respeito dos mais jovens com os mais velhos e digo mais: vejo que o Vasco tem condição de brigar pelo título da Libertadores”, analisou Edmundo.

Leia tudo sobre: vascoedmundoeurico miranda

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG