Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Borussia Dortmund duela com lanterna e pode ser campeão antecipado

Caso vença e o Bayer empate ou perca, o Borussia Dortmund conquistará o título com três rodadas de antecedência

Gazeta |

América-TO e Cruzeiro abrem neste sábado, às 18h30 (de Brasília), no estádio Nassri Mattar, em Teófilo Otoni, as semifinais do Campeonato Mineiro. O time do Vale do Mucuri, que fez uma excelente campanha na fase de classificação, terá a missão de vencer pelo menos um dos confrontos contra a equipe da capital se quiser chegar à final do Estadual. Isso porque a Raposa tem a vantagem de atuar pelo empate na soma dos resultados dos jogos de ida e volta.

As duas equipes duelaram apenas duas vezes na história, ambas pelo Campeonato Mineiro. Nestes jogos, o Cruzeiro saiu como vitorioso, com o mesmo resultado: 2 a 1.

Vipcomm
Cuca vai completar 50 partidas como treinador do Cruzeiro neste sábado, contra o América de Teófilo Otoni, pela semifinal do Campoeonato Mineiro
Os caminhos de Cruzeiro e América-TO se cruzaram após o time da capital ter feito a melhor campanha do torneio, classificando-se em primeiro lugar, com 28 pontos. Já a equipe de Teófilo Otoni teve o mais alto desempenho dentre as equipes do interior e garantiu a última vaga para as semifinais do Estadual, ficando na quarta posição, com 21 pontos.

Para o confronto deste sábado, o técnico Cuca não poderá contar com o zagueiro uruguaio Victorino, que ainda se recupera de uma contratura na coxa esquerda. O substituto imediato do atleta é Léo, que está pronto para ajudar a equipe. "Vinha me preparando e esperando por mais uma oportunidade de defender o Cruzeiro. Vou dar o meu máximo para ajudar", declarou o defensor.

Pelo lado do América-TO, o técnico Gilmar Estevam terá o retorno ao time do goleiro Fábio Noronha, que cumpriu suspensão na última rodada. Outro reforço para a equipe é o armador Leandrinho, recuperado de uma lesão. O meia participou normalmente dos treinamentos da semana e é uma das esperanças do Dragão do Corcovado, mas deve começar na reserva.

Em compensação, a equipe do Vale do Mucuri perde o zagueiro Jadson. Um exame de ressonância magnética feito no joelho direito do defensor apontou uma ruptura nos ligamentos. O jogador será operado e, segundo o departamento médico, ficará parado de seis a oito meses.

Mas, se depender do poderio ofensivo de América-TO e Cruzeiro, o duelo entre eles deve ser recheado de gols. O Dragão aposta suas fichas nos atacantes Jonatas Obina e Rogélio Ávila, que juntos já marcaram 18 gols pela equipe de Teófilo Otoni na competição, sendo que Jonatas Obina é o vice-artilheiro do Estadual, com dez tentos anotados, três a menos que Fábio Júnior, goleador máximo do torneio.

Do lado celeste, a maior esperança de furar o bloqueio adversário é a dupla de frente formada por Thiago Ribeiro e Wallyson, artilheiros da Raposa em 2011. A dupla é responsável por 11 gols da equipe no Campeonato Mineiro e ao todo já deixaram sua marca nas redes inimigas em 21 oportunidades na temporada.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-TO X CRUZEIRO

Local: Estádio Nassri Mattar, em Teófilo Otoni
Data: 23 de abril de 2011, sábado
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos Nascimento (ASP. FIFA/AL)
Assistentes: José Ricardo Maciel Linhares (CBF/ES) e Paulo César da Silva Faria (CBF/MT)

AMÉRICA-TO: Fábio Noronha; Luis Henrique, Júnior Pereira e Rodrigo Senna; Osvaldir, Luizinho, Felipe Dias, Wellington Bruno e Bruno Barros; Rogélio Ávila e Jonatas Obina
Técnico: Gilmar Estevam

CRUZEIRO: Fábio; Pablo, Léo, Gil e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Wallyson e Thiago Ribeiro
Técnico: Cuca

Leia tudo sobre: CruzeiroCampeonato Mineiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG