Equipe paulista não teve boa sorte contra o pior visitante da série B, mas conseguiu manter a quarta posição

selo

O Americana lutou bastante, mas em um dia sem inspiração, não passou de um empate por 1 a 1 com o ASA , neste sábado, em casa, pela 21ª rodada da Série B. O empate teve sabor de derrota para a equipe paulista, já que os alagoanos têm o pior desempenho atuando como visitante, onde conquistaram somente três pontos, fruto de três empates. Apesar do tropeço, o Americana segue dentro do G-4, ocupando a quarta colocação, com 34 pontos. O ASA, por sua vez, chegou aos 28 pontos e ocupa a 14ª colocação.

O jogo

Os donos da casa foram surpreendidos com a forte marcação do ASA no primeiro tempo, e tiveram muito trabalho. Se a situação já estava difícil para o Americana, ficou ainda pior aos 19 minutos, quando o ASA tirou o zero do placar. Sérgio Bueno cruzou da direita, Raul cabeceou no segundo pau e Alexsandro empurrou para as redes, aproveitando bobeira da zaga do Americana, que ficou parada.

Mas não deu nem tempo para o ASA festejar e o Americana empatou o jogo nove minutos depois. Válber fez bela jogada pela direita, driblou dois marcadores, e soltou uma bomba. A bola quicou no gramado e enganou o goleiro Gilson.

No segundo tempo o Americana teve maior volume de jogo, mas não conseguiu transformar as oportunidades em gol.

Pela próxima rodada da Série B, o Americana vai a Curitiba enfrentar o Paraná, às 16h20, na Vila Capanema. O ASA entra em campo um dia antes, contra o Goiás, às 20h30, em Arapiraca.

FICHA TÉCNICA:

Americana 1 x 1 ASA

Americana - Jaílson; Luiz Felipe, Thiago Gomes (Jorge Luiz), Fernando e Magal; Alê, Léo Silva, Válber (Paulinho Dias) e Fumagalli; André Luiz (Rafael Chorão) e Danilo Santos. Técnico - Sérgio Guedes.

ASA - Gilson; Toninho, Thiago Alves e Di Fábio (Leandro); Sérgio Bueno, Marcelo Costa, Jorginho, Marielson (Francismar), Raul (Vitinha) e Chiquinho Baiano; Alexsandro. Técnico - Vica.

Gols - Alexsandro, aos 19, e Válber, aos 27 minutos do primeiro tempo.

Árbitro - Márcio Brum Coruja (RS).

Cartões amarelos - Di Fábio, Thiago Alves e Jorginho.

Renda - R$ 13.270,00

Público - 1.239 pagantes

Local - Estádio Décio Vitta, em Americana (SP).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.