Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

América Mineiro volta à Série A do Brasileiro após dez anos

Empate por 0 a 0 contra a Ponte Preta, em Campinas, levou o time de volta à Primeira Divisão na quarta colocação da Série B

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237854161327&_c_=MiGComponente_C

O América Mineiro selou neste sábado seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro após dez anos. A equipe, que figurou na elite do futebol nacional pela última vez em 2001, empatou sem gols com a Ponte Preta, em Campinas, e terminou a Série B na quarta colocação da tabela, com 63 pontos ganhos.

Campeão da Série C na temporada passada, o time mineiro foi um dos mais regulares de toda a Série B. Apareceu no G4 pela sexta vez na 22ª rodada do campeonato e não saiu mais. O empate no Estádio Moisés Lucarelli era o que América-MG precisava para se manter na quarta posição, mesmo com a vitória da quinta colocada Portuguesa sobre o Sport por 2 a 1.

Já a Ponte Preta termina a competição na 14ª posição da tabela com 48 pontos ganhos. A Ponte chegou a brigar por uma vaga no G4, aparecendo na zona de acesso em seis rodadas, mas caiu de rendimento na parte final do campeonato e terá que disputar a Série B novamente na próxima temporada.

Gazeta Press
Torcedores do América posam em frente ao estádio Moisés Lucarelli
Torcedores do América posam em frente ao estádio Moisés Lucarelli


O jogo
Apesar das promessas do técnico Mauro Fernandes que o América-MG jogaria para vencer, a equipe iniciou a partida de forma sonolenta, dando espaços para a Ponte Preta dominar a posse de bola no meio de campo e criar as principais jogadas ofensivas.

A primeira boa oportunidade da Ponte aconteceu aos 18 minutos de jogo. Após cobrança de falta na área, o zagueiro Gabriel tentou cortar de cabeça, mas quase marcou contra, mandando a bola no travessão.

As poucas oportunidades do América-MG foram criadas pelo veterano Fábio Júnior, como aos 26 minutos de partida, quando aproveitou sobra de bola na entrada da área e bateu forte. Bem colocado, Gilson fez a defesa.

O time campineiro chegou bem novamente aos 35 minutos, com Daniel Lovinho. O atacante recebeu passe na direita, deixou para trás dois defensores antes de invadir a área e fazer o disparo rasteiro, para defesa segura do goleiro Flávio.

A segunda etapa começou com dinâmica diferente. O América-MG adotou postura mais ofensiva e chegou com perigo já aos oito minutos de jogo, com Hélton Luiz. O volante interceptou passe e arrematou com perigo. No contragolpe, a Ponte quase abriu o placar, mas Flávio mandou para escanteio o tiro efetuado por Reis dentro da área.

Aos 12 minutos, Gilson salvou a Macaca. Sheslon foi lançado em velocidade, invadiu a área livre de marcação e bateu, mas o goleiro da Ponte Preta apareceu bem para manter o placar inalterado.

Os dois treinadores promoveram mudanças em suas equipes para tentar abrir o placar, mas a forte marcação superou a criatividade do setor ofensivo durante quase toda a partida. Com o fim do confronto se aproximando, o América-MG passou a reter a pose de bola e aguardou o árbitro Marcelo de Lima Henrique encerrar a partida e selar a volta à Série A. Após a partida, o veterano atacante Euler disse que planeja adiar sua aposentadoria pela possibilidade de jogar no Brasileirão.


FICHA TÉCNICA - PONTE PRETA 0 x 0 AMÉRICA-MG

Local:
Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 27 de novembro de 2010, sábado
Horário: 17 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: Ricardo de Almeida e Rodrigo Pereira Joia (ambos do RJ)
Cartões Amarelos: Matheus e Josimar (Ponte Preta); Otávio (América-MG)

PONTE PRETA: Gilson; Guilherme; Diego Jussani, Naldo e Bruno Collaço; Jonatan Escobar, Josimar, Souza (Galvão) e Pablo Escobar (Matheus); Reis (Richard Falcão) e Daniel Lovinho.
Técnico: Givanildo Oliveira

AMÉRICA-MG: Flávio; Otávio, Preto e Gabriel; Sheslon, Dudu, Leandro Ferreira, Hélton Luiz (Thiago Silvy), Irênio (Nando) e Rodrigo; Fábio Júnior.
Técnico: Mauro Fernandes

Leia tudo sobre: américa-mgfutebolponte pretasérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG