Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ameaçado de perder a Copa 2014, Inter adia decisão sobre estádio

Dirigentes seguem debatendo o assunto e devem chegar a uma decisão, que ainda não será definitiva, dia 21

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Gabriel Cardoso
Presidente Giovanni Luigi deixará que os conselheiros decidam qual o modelo a ser adotado
Ainda não foi desta vez que o Internacional decidiu como seguirá fazendo as reformas do estádio Beira-Rio. Dirigentes e conselheiros voltaram a se reunir na noite de segunda-feira, mas voltaram a adiar a votação.

A tendência de momento é que no próximo encontro, dia 21, o clube decida por optar pela parceria com uma construtora. Porém, a partir daí abriria um processo de concorrência entre várias interessadas. Diferente do que era trabalhado até o momento em que escolhido este modelo a empresa já estaria pré-estabelecida: a Andrade Gutierrez.

Sem as garantias bancárias exigidas pela Fifa, a atual direção defende que o clube adote uma parceria com uma empreiteira. A obra seria orçada em R$ 290 milhões e a construtora seria responsável por tudo. Em troca, poderia explorar algumas áreas do estádio Beira-Rio nos próximos 20 anos.

Quem defende este modelo alega que a Fifa está descontente e pressionando muito e que o clube pode , a qualquer momento, ter o Beira-Rio descredenciado como sede da Copa do Mundo de 2014. Consequentemente a sede gaúcha seria a Arena do Grêmio, que está em construção.

A opção pela parceria ainda não foi feita porque uma outra corrente de pensamento é defendida por boa parte dos conselheiros, entre eles o ex-presidente Vitorio Piffero. Eles entendem que o Inter pode seguir reformando o seu estádio com recursos próprios e assim não abriria precedentes para terceiros lucrarem com estruturas do clube.

O próximo prazo dado foi dia 21 de março. Os conselheiros voltarão a se reunir nesta data para que finalmente escolham o que fazer com o estádio. Alguns, mais assustados, dizem que o clube pode perder o direito de sediar o Mundial ainda nesta semana por estar protelando a decisão.
 

Leia tudo sobre: InternacionalCopa 2014

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG