Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Alecsandro perde dois pênaltis, mas Vasco vence o Alianza Lima

Com a vitória de 3 a 2, nesta terça-feira, em São Januário, o time brasileiro ficou na vice-liderança do Grupo 5

iG São Paulo |

Após perder em São Januário na estreia da Copa Libertadores, o Vasco conseguiu fazer o dever de casa. Apesar do atacante Alecsandro ter desperdiçado duas cobranças de pênalti, o time brasileiro venceu Alianza Lima por 3 a 2, nesta terça-feira, no Rio de Janeiro. Ramos (contra), Dedé e Juninho Pernambucano marcaram para os cariocas, enquanto Charquero e Ibañez descontaram para os peruanos.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Cristovão Borges ficou na vice-liderança do Grupo 5. Agora, na próxima rodada, dia 14 (quarta-feira), o clube de São Januário joga fora de casa contra o primeiro colocado Libertad.

Confira a classificação da Copa Libertadores

O jogo:

O Vasco entrou em campo muito nervoso e o Alianza Lima aproveitou para abrir o placar no começo da partida. Aos 16 minutos, o zagueiro Rodolfo falhou pelo alto perto do meio-campo e a bola sobrou para Charquero. Sem marcação, o atacante ainda invadiu a área antes de tocar na saída de Fernando Prass.

Para sorte do time brasileiro, o zagueiro Ramos marcou contra apenas três minutos depois. Após receber passe de Diego Souza, Wiliam Barbio cruzou rasteiro, o jogador do time peruano tentou cortar de carrinho, mas mandou contra o património: 1 a 1.

Apesar do empate, o Vasco seguiu nervoso durante o primeiro tempo e quase não ameaçou a meta defendida por Pastor Libman.

“A ansiedade é normal. Precisamos ter um pouco mais de calma no segundo tempo para buscar a virada”, comentou o técnico Cristovão Buarque na saída para o intervalo.

No segundo tempo, a equipe da casa foi com tudo para o ataque. Aos três minutos, Barbio levantou na área, o goleiro espalmou e a bola bateu no braço de Carmona. Além de marcar o pênalti, o árbitro ainda expulsou o jogador do Aliaza. Na cobrança, o atacante Alecsandro escorregou e chutou no travessão.

Com um jogador a menos, o time peruano armou a retranca, mas não conseguiu segurar o empate. Aos 11, em cobrança de falta, Juninho Pernambucano acertou o travessão. Aos 14, após cobrança de escanteio, Dedé testou no canto e virou o placar: 2 a 1.

Nove minutos depois, o árbitro marcou outro pênalti para o Vasco. Alecsandro bateu no canto e o goleiro foi buscar. Aos 34, Diego Abal assinalou outro penalidade para o time brasileiro. Dessa vez, Juninho Pernambucano pegou a bola e não desperdiçou: 3 a 1.

No fim do jogo, aos 41, o time peruano cobrou falta de muito longe, o sistema defensivo do Vasco falhou e Ibañes aproveitou para descontar: 3 a 2.

FICHA: VASCO 3 X 2 ALIANZA LIMA (PER)
Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6/3/2012
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Diego Abal (ARG)
Renda: R$ 541.285
Público: 11.349 pagantes
Cartões amarelos: Carmona, Aroe e Fernandez (Alianza Lima)
Cartões vermelhos: Carmona (Alianza Lima)
Gols: Charquero aos 16 e Ramos (contra) aos 19 do 1º tempo; Dedé aos 14, Juninho Pernambucano aos 34 e Ibañes aos 41 do 2º tempo

VASCO : Fernando Prass; Fagner, Dedé, Rodolfo (Douglas) e Thiago Feltri; Eduardo Costa (Felipe), Nilton, Juninho e Diego Souza; William Barbio e Alecsandro
Técnico: Cristovão Borges

Alianza Lima: Libman; Giancarlo Carmona, Christian Ramos, Walter Ibáñez, Manuel Corrales, Albarracín, Jorge Bazán (Vilamarín), Edgar Gonzáles, Montaño (Fernandez), Hurtado, Jonathan Charquero (Aroe)
Técnico: José Soto.


Entre para a torcida virtual do Vasco:

Leia tudo sobre: VascoCopa Libertadores 2012Alecssandro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG