Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Alecsandro leva desvantagem no confronto com o irmão Richarlyson

Atacante do Vasco admite ter perdido mais para o meia do Atlético-MG no duelo familiar

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

Domingo, Alecsandro viverá um duelo especial na carreira. Mais um, porque desde que ele e o irmão, o meia Richarlyson , se profissionalizaram, a família ficou dividida. O atacante do Vasco enfrentará o Atlético-MG , e do outro lado estará o caçula de Lela - ídolo do Coritiba nos anos 80 – em mais um duelo familiar. O irmão mais novo, admite Alecsandro, é uma pedra na chuteira.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Futura Press
Richarlyson leva vantagem sobre o irmão vascaíno
“Vocês acham que, porque ele é irmão, ele alivia? Da última vez em que nos enfrentamos, na primeira bola, na primeira, com menos de um minuto de jogo, ele me deu uma entrada e me atirou para fora do gramado”, relembra o camisa 9 de São Januário , referindo-se ao clássico entre Internacional , seu ex-clube, e o São Paulo, pelo qual Richarlyson atuou por quatro temporadas.

Entre para a Torcida Virtual do Vasco e convide seus amigos

Outra confissão de Alecsandro se refere ao retrospecto do confronto. O atacante cruzmaltino não esconde que o irmão está em vantagem. Seu consolo, porém, está no maior confronto entre eles: a semifinal da Libertadores de 2010, quando no Inter eliminou o time paulista na semifinal do torneio.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e chame seus amigos

Futura Press
Richarlyson leva vantagem sobre o irmão vascaíno
“Ih, rapaz. Perdi mais do que ganhei do meu irmão. É chato, mas ele tem mais vitórias”, brinca o atacante. “Não tenho a estatística de cabeça, mas ele está em vantagem. Só que no confronto mais importante, eu levei a melhor e eliminei ele da Libertadores”, completou o atacante cruzmaltino, autor de nove gols em 19 partidas com a camisa do Vasco. Seu objetivo é manter a média dos últimos anos:


Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

“Fiz 27, 28 e 29 nos últimos anos. Estando perto destes números, acho que estarei bem. Vale lembrar que não disputei o estadual, né. Fico em desvantagem. Comecei tarde”.
 

Leia tudo sobre: vascoatlético-mgalecsandroricharlyson

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG