Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Alecsandro é o jogador no Vasco mais defendido publicamente

Dedé oferece vitória ao atacante e Cristóvão faz coro. Felipe já pediu para a torcida parar de vaiá-lo

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

Bernardo foi o herói da vitória de 2 a 1 sobre o Fluminense , neste domingo, no Engenhão, mas o grande responsável pelo resultado que coloca o time em condições de brigar pelo título brasileiro com o Corinthians é Alecsandro . Foi dele o primeiro gol da partida em apenas sete minutos em campo e o também foi dele o passe para o meia, aos 45 minutos do segundo tempo, calar os corintianos que já soltavam o grito de campeão em Florianópolis .

Corinthians e Vasco brigam pelo título. Confira a classificação do Brasileiro

Alecsandro viveu altos e baixos com a torcida. Um dos responsáveis pelo título inédito da Copa do Brasil , o atacante perdeu a posição para Elton após voltar de lesão muscular e andou sendo perseguido pela torcida. Mas seu comprometimento é recompensado com momentos como este. Alecsandro tem o respeito e a admiração dos jogadores. No fim do clássico desde domingo, quem tomou suas dores foi ninguém que o zagueiro Dedé .

VEJA TAMBÉM: Vasco revisa súmulas e confirma Diego Souza contra o Flamengo

“Quem merece as homenagens é o Alecsandro. Superou todas as críticas contra ele. É um jogador de grupo. Nós estamos com ele. Sempre. Sabemos da capacidade dele e o que ele representa hoje para o Vasco”, discursou o zagueiro cruzmaltino.

VEJA TAMBÉM: Alecsandro revela que Ricardo Gomes fez previsão sobre gol

Depois do zagueiro, quem destacou o mérito do camisa 9 na vitória sobre o Fluminense foi o técnico Cristóvão Borges. “Alecsandro é um jogador importantíssimo, decisivo na Copa do Brasil, sempre mostra presença”, frisou o treinador.

VEJA TAMBÉM: Com o Flu fora da briga, Abel revela torcida por título do Vasco

O lance negativo que mais marcou a passagem do atacante por São Januário foi na partida contra o Aurora, da Bolívia, pela Sul-Americana . O Vasco vencia por 1 a 0 e precisava ganhar por 2 a 0 ou por diferença de três gols – perdera em Cochabamba por 3 a 1 - quando ele, livre, desperdiçou uma chance clara. O time peruano armou um contra-ataque e empatou.

A torcida, revoltada, passou a xingá-lo. Mas o atacante se redimiu: marcou dois gols na sequência e deu passe para o de Leandro. O Vasco goleou o time boliviano por 8 a 3 e passou de fase .

No dia seguinte, Felipe pediu aos assessores de imprensa do futebol que o levassem para a coletiva. Após responder às perguntas dos jornalistas, o meia pediu a palavra e elogiou publicamente o atacante.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba notícias do time em tempo real

“Pedi para estar aqui hoje para poder defender o Alecsandro. Quero que a torcida pare de persegui-lo. Alecsandro é um jogador sério, correto, importante, nos ajudou muito na conquista da Copa do Brasil e tem feito gols importantes. Sei que ele ainda nos ajudar muito ainda. Então, gostaria que ela o incentivasse mais”.

Entre na torcida virtual do Vasco e opine sobre a importância de Alecsandro
 

 

Leia tudo sobre: vascocristóvãocopa sul-americana 2011alecsandro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG