Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Al Wahda e Hekari United abrem o Mundial de clubes nesta quarta

Time da casa conta com os brasileiros Magrão e Fernando Baiano para vencer na estreia da competição

Gazeta Esportiva |

Os desconhecidos Al Wahda, dos Emirados Árabes, e Hekari United, de Papua-Nova Guiné, fazem, nesta quarta-feira, o jogo de abertura do Mundial de Clubes. Esta será a sétima vez que o torneio será organizado pela FIFA, a segunda consecutiva no Oriente Médio. O jogo começa às 14h, horário de Brasília.

Jogando em casa e contando com nomes como os brasileiros Magrão, Hugo e Fernando Baiano, o Al Wahda é o favorito para este jogo de estreia. O sonho dos torcedores locais é que a equipe consiga superar o Hekari United e o Seongnam para poder fazer a semifinal contra a favorita Internazionale, no próximo dia 15.

"Iremos jogar no nosso país. Diante de nossa torcida e das pessoas que nos acompanham diariamente. Estamos mais acostumados com o clima da cidade e não precisamos viajar nos últimos dias. Favoritismo se confirma dentro de campo. Mas temos uma equipe equilibrada, com jogadores de seleção e que sabem decidir. Acredito em uma boa estréia neste mundial de clubes", afirmou Magrão.

O técnico Josef Hickersberger, substituto de Tite no Al Wahda, lamentou o final de campeonato nacional conturbado de sua equipe: "foi difícil saber como está a equipe. Alguns jogadores não atuaram tão bem como poderiam, e outros estavam lesionados", disse, ao site da FIFA.

O Hekari United, por sua vez, é o grande franco-atirador do Mundial. Com apenas sete anos de fundação, a equipe conseguiu derrotar o Waitakere, da Nova Zelândia, na decisão da Liga dos Campeões da Oceania. O atacante Jack, autor de sete gols na conquista continental, é a grande esperança da equipe.

O técnico Tommy Mana acredita que a equipe chega pronta para disputar o Mundial. Ele comemora não haver problemas de lesão, embora admita dificuldades em obter informações a respeito do estilo de jogo do Al-Wahda. Assim como o time dos Emirados Árabes, que marcou 42 gols no último campeonato nacional, a esperança dos papuásios é o ataque, que fez 19 em oito partidas no torneio da Oceania. A promessa, portanto, é de um jogo aberto - embora a qualidade técnica não deva ser das melhores.

FICHA TÉCNICA
AL WAHDA X HEKARI UNITED

Local: Estádio Mohamed bin Zayed, Abu Dhabi (EAU)
Data: 8 de dezembro de 2010, quarta-feira
Horário: 14h (de Brasília)
Árbitro: Daniel Bennett (África do Sul)

AL WAHDA: Ali Al Hosani; Salem Jasim, Oma Ali, Haider Ali e Hamdan Al Kamali; Magrão, Abdulrahim Jumaa, Ismail Matar e Hugo; Mohamed Al Shehhi e Fernando Baiano
Técnico: Josef Hickersberger

HEKARI UNITED: Gure Gabina; Gideon Omokirio, Cyril Muta e Koriak Upaiga; Alick Maemae, Stanley Waita, Pita Bolatoga, David Muta e Henry Fa'arodo; Kema Jack e Tuimasi Manuca
Técnico: Tommy Mana

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG