Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ainda em fase de montagem, Botafogo sofre contra equipes prontas

Técnico Caio Júnior ainda não conta com Loco Abreu e só repetiu a mesma escalação em duas oportunidades

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

O artilheiro da equipe no ano ainda não estreou. A principal contratação para a temporada só jogou na 10ª rodada, enquanto o goleiro titular disputou apenas a metade de todas as partidas da equipe no Campeonato Brasileiro. Essa é a rotina do Botafogo , que segue em formação dentro do torneio. Para os jogadores, o fato da equipe carioca estar em processo de montagem do time titular, dificulta ao enfrentar equipes que já jogam juntas há mais tempo.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Para o meia Elkeson , o torcedor deve ter um pouco de paciência, até que a rotina de partidas faça a equipe carioca atingir um nível bom de entrosamento.

“Tem que ter tempo, pois foi só o primeiro jogo do Renato, tivemos a volta do Marcelo Mattos, a estreia do Alexandre Oliveira. Não adianta achar que logo no primeiro jogo vai entrosar, vai estar com a equipe perfeita. Tem que ter tempo. A seqüência de jogos durante a o meio e o final de semana vai ajudar”, disse o jogador.

Entre para a torcida virtual do seu time e o ajude a assumir a liderança do ranking

A prova de que o Botafogo ainda está se ‘construindo’, é que Caio Júnior só conseguiu repetir a escalação da partida passada em duas oportunidades. Para o treinador do Botafogo, a equipe ainda paga por estar tentando mudar a filosofia de jogo que vinha utilizando.

“O Botafogo está buscando um conceito diferente de futebol, não é fácil. Ter personalidade de jogar no campo adversário, marcar sobre pressão e buscar a vitória sempre é para time grande e o Botafogo é um time grande, precisa jogar assim. Claro que se paga um preço por essa tentativa de mudança, mas vamos acertar a equipe o mais rápido possível”, disse Caio Júnior.

Para voltar ao caminho das vitórias, jogar fora de casa pode até ser interessante para o Botafogo. A equipe só perdeu uma vez como visitante, na estreia, contra o Palmeiras. Para o goleiro Jefferson, que destaca o apoio da torcida botafoguense nos jogos em casa, é difícil encontrar uma explicação para o bom desempenho fora.

“A torcida está sendo nosso 12º jogador, mas não é só o Botafogo, muitas equipes estão surpreendendo fora de casa, como o próprio Bahia, que sempre tem o estádio completamente lotado, mas está jogando melhor fora de casa. Claro que tem que aproveitar o fator campo, mas de vez em quando, o jogador gosta de atuar fora, ser pressionado”, disse o goleiro do Botafogo.

Leia tudo sobre: botafogobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG