Presidente do Palmeiras ouviu proposta do Al Saad, do Qatar, e analisará para dar resposta ao jogador

Valdivia não está mais se sentindo em casa no Palmeiras . Até por isso, já deu a entender que pode deixar o clube e voltar para o Oriente Médio nos próximos dias . O presidente do time paulista, Arnaldo Tirone, deve decidir até o fim desta semana o que fará com a proposta de cerca de R$ 20 milhões que tem em mãos do Al-Saad. É o que informa o empresário do atleta, Rodolfo Fortes.

Ele, no entanto, nega que o camisa 10 queira deixar o Palmeiras e afirma que apenas vai dar o seu pronunciamento quando ouvir de Tirone o que ele pretende fazer.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real


"O Valdivia não quer falar agora sobre o assunto. Ele teve a proposta, mas não quer sair do clube. Ele vai se pronunciar assim que o Tirone decidir se vai vender ou não", explicou Fortes ao iG. "Conversei com o Tirone nos últimos dias e ele ficou de me dar uma resposta até o fim da semana", completou.

Segundo o agente, Valdivia não descarta voltar ao Oriente Médio, apesar de estar com toda a família instalada em São Paulo e ter voltado a atuar na América do Sul para justamente ficar mais perto do Chile e de seus familiares.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

Vários dirigentes do Palmeiras estão a favor da venda de Valdivia desde que o montante arrecadado seja suficiente para pagar a dívida que foi contraída na sua volta. O time brasileiro pagou cerca de 6 milhões de euros ao Al Ain por meio de uma carta de crédito concedida pelo banco Banif. Essa dívida era para ser paga em agosto, mas até agora não foi quitada.

Valdivia também não é mais unanimidade na torcida. Vários que antes o idolatravam já consideram uma boa vendê-lo, especialmente pelas frequentes lesões, como a atual que o deixará por mais 30 dias parado . O maior receio dos palmeirenses é a falta de reposição para a posição se o camisa 10 seja vendido. A janela no Oriente Médio vai até o próximo dia 15 de setembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.