Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Adriano jogou apenas 350 minutos e cada gol custou R$ 2,4 milhões

Contratado em março do ano passado, o atacante disputou apenas oito jogos com a camisa do Corinthians e marcou dois gols

iG São Paulo |

Gazeta Press
Adriano voltou ao Brasil em março de 2011 e disputou apenas oito jogos com a camisa do Corinthians
O atacante Adriano, sem dúvida, foi uma das piores contratações da história do Corinthians. No total, o Imperador recebeu cerca de R$ 4,8 milhões e disputou apenas oito partidas. Dessa forma, cada jogo custou R$ 600 mil aos cofres do clube do Parque São Jorge. E cada gol, R$ 2,4 milhões.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Para piorar, o camisa 10 esteve em campo apenas durante 350 minutos. Somente contra o Botafogo de Ribeirão Preto, ele jogou uma partida inteira.
 

Apresentado oficialmente em março do ano passado, o Imperador rompeu o tendão de aquiles do pé esquerdo no mês seguinte e ficou quase sete meses afastado dos gramados.

Na reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado, Adriano marcou o gol da vitória contra o Atlético-MG e deixou a torcida animada. Porém, na semana seguinte, o jogador faltou em um treinamento alegando problemas estomacais e não jogou mais.

Leia mais: Corinthians rescinde contrato de Adriano

Neste ano, apesar de ter participado de toda a pré-temporada, o jogador não conseguiu entrar em forma. Após marcar gol contra o Botafogo e começar jogando o clássico contra o Santos, Adriano não foi relacionado para o jogo contra o Nacional, do Paraguai, pela Copa Libertadores. Depois, entrou em rota de colisão com a comissão técnica por recusar-se a subir na balança.

 

 

Números de Adriano no Corinthians

De 25/03/2011 a 12/03/2012
Jogos 8
Gols 2
Minutos jogados 350
Valor de cada gol R$ 2,4 milhões
Valor de cada jogo R$ 600 mil
Valor de cada minuto jogado R$ 13.715
Salário R$ 400 mil

 

Entre para a torcida virtual do Corinthians:

Leia tudo sobre: AdrianoCorinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG