Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Adriano afirma que permanecerá na Roma até 2012

Ao jornal Corriere Dello Sport, atacante encerra especulações acerca de seu futuro e frustra times brasileiros

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882806743&_c_=MiGComponente_C

Parece que a polêmica sobre o possível retorno de Adriano para o futebol brasileiro foi encerrada. Em entrevista ao Corriere dello Sport, o atacante confirmou que não tem intenção de deixar a Roma, clube que o recebeu após sua passagem pelo Flamengo em 2009. Segundo Adriano, seu contrato será cumprido até o final, permanecendo na Itália até 2012 e frustrando Corinthians, Palmeiras e Flamengo.

"O que importa é o que eu digo, e não os outros. Repito pela enésima vez, a Roma é e será a minha equipe. Quero representar de verdade o que foi minha contratação e espero apenas jogar com alguma continuidade", revelou o atacante, que teria recebido propostas para voltar ao Brasil.

AFP
Em má fase na Roma, Adriano era desejado pelo Corinthians para a Libertadores

Nos últimos jogos da Roma, sexta colocada no Campeonato Italiano com 26 pontos somados, Adriano não vem sendo utilizando, o que, segundo a imprensa internacional, poderia ter motivado a saída do brasileiro do time.

"Eu comento isso sem intenção de causar polêmica. Está muito claro que quero atuar bem pela Roma nos gramados, fazendo o que sempre fiz, marcando muitos gols e dando felicidade para a torcida", concluiu o jogador.

Ainda nesta última quarta-feira, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, se irritou com a imprensa sobre a possível transferência do atacante para o clube paulista, negando as informações transmitidas pelo dirigente do jogador. Ele chegou a classificar como "quase impossível" a transferência.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG