Souza entraria no time, que não poderá contar com o atacante Jonas, que cumpre suspensão por expulsão

O volante Adilson fez uma curiosa observação após o treinamento ocorrido na manhã desta quarta-feira. Perguntado sobre o quanto a ausência de Jonas prejudicaria o Grêmio na partida contra o Atlético-PR, o centromédio deu a entender que o técnico Renato Gaúcho poderá optar por um esquema diferente diante do rival do Paraná: um 4-5-1, com a inclusão de Souza no lugar do artilheiro do Brasileirão, que cumprirá suspensão após a expulsão em Santos.

"Não precisa nem comentar a falta que o Jonas fará. Mas o Júnior Viçosa jogou contra o Cruzeiro e fez gol, e o Diego sempre entra bem. Vamos dar apoio para que eles possam corresponder. Daqui a pouco, o Renato pode optar só pelo André Lima. Já que tem o Souza, ele pode jogar com três meias", revelou o volante. A possibilidade citada por Adilson ganha força na medida em que Douglas teve seu julgamento adiado pelo STJD nesta terça, o que garante sua presença em campo contra o Atlético-PR.

O mistério quanto à escalação do Grêmio deve ser desfeito na quinta ou sexta, quando Renato encaminhará a equipe que joga a decisão de sábado. Nesta quarta, os reservas golearam o Cerâmica, de Gravataí, por 4 a 0. Os gols foram marcados por Júnior Viçosa, Roberson, Souza e Bergson. O zagueiro Mário Fernandes atuou como lateral direito durante todo o tempo e teve atuação destacada no apoio, inclusive cavando o pênalti que resultou no gol de Souza.

Para minimizar os riscos que Paulo Baier representa, Adilson afirma que o Grêmio já está orientado a evitar cometer faltas próximas à área, especialidade do meia atleticano. O volante gremista, a exemplo do que falara André Lima nesta terça, considera a partida decisiva para as pretensões tricolores de disputar a Libertadores de 2011.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.