Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Adilson se diz maduro, mas avalia que São Paulo será aprendizado

Treinador chegou dizendo que conquistas "bateram na trave" e avisou que pode mudar jogadores de posição

Mario André Monteiro, iG São Paulo |

nullO São Paulo apresentou nesta segunda-feira, no CT da Barra Funda, o técnico Adilson Batista . O comandante assinou contrato até o final do ano, com possibilidade de renovação até o fim de 2012.

No seu primeiro contato com a imprensa no clube, Adilson não quis falar do trabalho abaixo da média que teve em Corinthians, Santos e Atlético-PR e avaliou estar mais maduro, apesar de ainda buscar aprendizado na carreira.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e ajude a melhorar a classificação do time no ranking das maiores torcidas

Gazeta Press
Adilson Batista recebe o cargo do interino Milton Cruz


"Vamos devagar com esse negócio de casca grossa. Estou maduro, consciente, tranquilo. O que o clube pensa é o que eu pretendo para minha carreira. Passei perto de conquistar a Libertadores. O Brasileiro está batendo na trave e em breve encaixa. Espero que seja aqui", disse Adilson, que foi vice da América com o Cruzeiro, em 2009.

Apesar de já ser bastante rodado na carreira de treinador - já dirigiu outros 13 clubes -, Adilson disse que ainda busca aprendizado no São Paulo. "Tenho apenas 43 anos. Espero trabalhar de 17 a 20 anos no futebol, estamos sempre crescendo. É uma oportunidade num clube que pode nos proporcionar conquistas", avaliou.

Sobre reforços que o São Paulo pode conseguir nos próximos dias, Adilson Batista confirmou que o volante Denilson, do Arsenal, está contratado. O jogador foi revelado no próprio clube do Morumbi e chega para suprir a ausência de Rodrigo Souto, que vai para o Japão.

"A gente acompanha, observa, conversa. Tem pessoas que a gente tem contato, é um bom elenco, servido de grandes jogadores, está chegando gente, tem a volta do Lucas, depois do Luis Fabiano. Depois vai chegar um outro volante que vocês conhecem (Denilson). É um time rápido e jovem, estamos no caminho certo", comentou.

Siga o Twitter do iG São Paulo e receba notícias do time em tempo real

Adilson Batista já teve seu trabalho contestado em algumas oportunidades por mudas os seus jogadores de posição, fazendo com que os atletas atuem diferente de suas características originais. Sem se preocupar com possíveis críticas, o técnico já disse que poderá fazer isso no São Paulo.

"O atleta tem que ser versátil. É possível, não vejo problema nenhum do jogador atuar em outras funções, crescer profissionalmente, vamos conversar. Temos os jogadores experientes, Rivaldo, Rogério Ceni, que podem dar apoio", finalizou.

A estreia de Adilson Batista no comando do São Paulo vai ocorrer no próximo sábado, contra o Atlético-GO , no Morumbi. O time paulista vem de duas vitórias consecutivas e atualmente ocupa a segunda colocação dentro do Campeonato Brasileiro.

Gazeta Press
Adilson Batista recebe o cargo do interino Milton Cruz

 

Leia tudo sobre: São PauloBrasileirão 2011Adilson Batista

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG