Argentino recuperou-se do terceiro problema físico e será titular contra o Junior

Escudero será o parceiro de Borges
Wesley Santos/Pressdigital
Escudero será o parceiro de Borges
Leandro não está inscrito na Libertadores . Carlos Alberto foi liberado para resolver problemas particulares no Rio de Janeiro . Então, Escudero será o titular do Grêmio , quinta-feira, contra o Junior pela Libertadores.

A partida é encarada pelo argentino como uma oportunidade de ter sequência no time de Renato Gaúcho. Após três lesões em dois meses, “El Pichi” disse nesta quarta-feira estar adaptado ao novo clube.

“Tive muita dificuldade de adaptação aos treinos no primeiro mês. Depois, as lesões foram infelicidade. Agora estou bem”, comentou o jogador, que continua tímido e falando apenas em espanhol nas entrevistas.

Escudero teve problemas no joelho esquerdo, no tornozelo direito e dores musculares. Por isto, atuou em apenas seis partidas, três delas como titular, e marcou um gol. O caráter decisivo da partida, que pode determinar a classificação às oitavas-de-final, e a concorrência no ataque, também o motivam:

“Tenho de aproveitar a oportunidade. Leandro vem jogando bem e isso é importante para o grupo, afinal, soma qualidade. Sabia que, ao aceitar vir para o Grêmio, não teria facilidade. Então, a disputa interna é algo normal”.

Há outra razão para o gringo ter bom desempenho em campo. A partida será transmitida para a Argentina. Portanto, familiares e amigos irão acompanha-lo. Se for mal terá de dar explicações em casa...

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.