Tamanho do texto

Técnico tem comandado treinos de marcação sobre pressão e dado atenção aos desarmes dos atacantes

Levar um gol durante as partidas do Campeonato Brasileiro de 2011 era quase uma certeza para a torcida do Fluminense . Com 51 tentos sofridos ao longo da competição, a oitava pior defesa do torneio foi bastante criticada pelos tricolores, que pediam a chegada de um reforço de expressão. Para resolver o problema nesta temporada, o técnico Abel Braga tomou duas medidas diferentes.

Primeiro saiu em defesa dos zagueiros do elenco, afirmando que o problema do time era a forte vocação ofensiva, que causava um desequilíbrio. A segunda ação teve inspiração no time da moda nos últimos anos, o Barcelona . Dando atenção especial aos atacantes, o técnico tem comandado diferentes treinos de marcação. Ora sobre pressão, ora levando os jogadores atrás da linha da bola, são os jogadores da linha de frente que mais tem distribuído carrinhos.

Leia mais: Elogios ao Flu terão que ser provados em campo, diz Anderson

No treino da última quinta-feira, por exemplo, os atletas foram divididos em três times e cada grupo precisava roubar a bola do adversário em apenas 20 segundos sobre os gritos do comandante. Para o zagueiro Anderson , com uma visão completa da marcação, tentando recuperar a bola desde o ataque, o time sofrerá menos gols na temporada.

Anderson (de colete vermelho) foi contratado no início da temporada e já virou titular do Fluminense
Nelson Perez/FluminenseF.C.
Anderson (de colete vermelho) foi contratado no início da temporada e já virou titular do Fluminense

"Quando um time leva um gol, é normal que a culpa sobre para os zagueiros, mas se a marcação começar forte do ataque, facilita para a gente. Mas sabemos da responsabilidade que a zaga tem e não vamos fugir dela. Temos que diminuir essa número de gols, sabemos que uma equipe como o Fluminense tem que sofrer o mínimo de gols possíveis. É um coletivo, temos que procurar ajudar os outros para evoluir nesse quesito", disse o zagueiro do Fluminense.

Veja mais: Conheça as maiores promessas da Copa São Paulo 2012

Como forma de prestigiar a zaga, o técnico Abel Braga chegou a lançar um desafio aos jornalistas durante a pré-temporada, pedindo que citassem uma dupla de zaga melhor que a formada por Anderson e Leandro Euzébio . Para o defensor, agora a confiança precisa ser retribuída em campo.

Veja também: Thiago Neves treina com bola pela primeira vez no Fluminense

"A gente tem que corresponder essa confiança dentro de campo. Eu e o Leandro Euzébio estamos treinando bem, temos grandes zagueiros no elenco também, então quem jogar vai se sair bem. Ser comandado pelo Abel ajuda bastante também. É um ex-jogador de qualidade e conhece bem a posição. Quero aprender muito com ele para saber me posicionar melhor em campo", finalizou. 

Entre para a Torcida Virtual do Fluminense e comente a defesa da equipe