Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Abel Braga dispara contra emissora de TV, gramado e até pipas

Vitória em Moça Bonita foi paralisada várias vezes por pipas com linhas cortantes que caíam no campo

iG Rio de Janeiro |

Gazeta Press
Abel Braga ficou revoltado com condições da partida no estádio de Moça Bonita
Após a vitória por 2 a 0 sobre o Bonsucesso, no último sábado, a impressão é de que o Fluminense havia sido goleado, tamanha a irritação do técnico Abel Braga. Além do gramado do estádio de Moça Bonita, campo do Bangu, na zona Oeste do Rio de Janeiro, outros detalhes irritaram o comandante, que disparou até mesmo contra a TV Globo, que detém os direitos de transmissão do estadual.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O próprio Marcão (técnico do Bonsucesso) ligou para nós 10 dias atrás e perguntou por que não jogamos em Édson Passos, que tem um gramado muito melhor, a condição do estádio é melhor. Mas não, é impossível porque a televisão não deixa. Não pode cara. Pensa um pouco nos atletas, na qualidade do jogo", lamentou Abel Braga.

Leia mais: Com homenagem a Chico Anysio, Fluminense vence fácil o Bonsucesso

O estádio do América, citado por Abel Braga, foi utilizado e vetado ainda no Campeonato Carioca do ano passado, após a partida entre América e Flamengo, quando houve super lotação e alguns torcedores com ingresso na mão acabaram ficando do lado de fora. Além disso, problemas nas cabines de transmissão, teriam gerado o veto da Globo.

Veja mais: Fluminense terá ao menos dois desfalques contra o Botafogo

Outro ponto que irritou demais o comandante foi o alto número de pipas que caíram no gramado de Moça Bonita. Mais de uma dezena de 'papagaios' com linhas cortantes foram retirados pela arbitragem, que paralisou a partida diversas vezes. Para Abel Braga, a situação desvaloriza o futebol carioca.

Veja também: Sobis comemora vitória para dar moral antes de sequência do Flu

"Está demais cara. Por isso que o futebol de São Paulo é mais forte, mais competitivo, se vende mais os jogadores de lá. Como vai jogar num campo desse? Está na hora de dar um basta nisso. É pipa, é calor, é campo, é vestiário, é tudo. É lamentável", encerrou o treinador do Fluminense.

Antes de enfrentar o Botafogo, no próximo domingo, às 18h30, no Engenhão, o Fluminense viaja até a Venezuela onde enfrenta o Zamora na próxima quinta-feira, às 22h, pela Copa Libertadores. O time carioca é o terceiro colocado do grupo B da Taça Rio, com seis pontos, e lidera o grupo 4 da Libertadores, com nove.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG