Treinador foi homenageado pela torcida do Internacional, time com o qual foi campeão mundial em 2006

O Fluminense superou o desfalque de Fred , surpreendeu o Inter no Beira-Rio e se aproximou dos líderes Corinthians e Vasco , que agora têm apenas dois pontos de vantagem em relação aos tricolores. Mas o triunfo não foi o único motivo da emoção do técnico Abel Braga.

Campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes com o clube gaúcho em 2006, Abel foi aplaudido pelos torcedores colorados e até uma bandeira foi estendida em sua homenagem nas arquibancadas.

"Eu nunca tive esse reconhecimento na carreira. Para mim, foi uma homenagem que criou uma grande cicatriz. Já havia uma marca com o Internacional, que agora está muito maior", comentou o treinador, após a partida que foi decidida com gols de Rafael Moura e Rafael Sobis, que supriram bem a ausência do poupado Fred.

"Tenho um grande jogador, que é o melhor atacante do Brasil. Mas se eu trago o Fred e ele se lesiona, acabou o campeonato para ele. Eu preferi preservá-lo. Se empatássemos ou perdessemos, nós continuaríamos na briga", acrescentou Abel, que deve contar com o centroavante novamente contra o América-MG, sábado que vem, no Engenhão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.