Time de Natal marcou dois gols rapidamente e depois conseguiu administrar a vantagem durante o jogo

O ABC se utilizou de ótimos 20 primeiros minutos de partida para bater o Goías por 2 a 1 na noite desta terça-feira, no estádio Serra Dourada, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B . Com um jogo rápido e de habilidade, os visitantes marcaram com Cascata e Lins. No segundo tempo, Hugo descontou, mas a reação parou por aí.

Com o resultado, o time do técnico Leandro Campos chega aos 32 pontos ganhos, seafastando da zona de rebaixamento. Quem fica com 29 são os goianos, que sentem cada vez mais perto a aproximação da degola.

Na próxima rodada, os alvinegros terão pela frente o Vitória, no estádio do Frasqueirão, sábado, às 16h20 (de Brasília). No mesmo horário, os esmeraldinos encaram o Paraná, no Durival de Brito.

Jogadores se abraçam em comemoração de gol do ABC
AE
Jogadores se abraçam em comemoração de gol do ABC

O Jogo
O começo da partida foi avassalador por parte dos potiguares. Com toques envolventes e mostrando muita criatividade no meio-campo, os alvinegros não demoraram a calar a torcida presente e se colocar em vantagem. Com 20 minutos, já estava 2 a 0.

Aos 17 minutos, Renatinho invadiu a área dos goianos e foi derrubado por Douglas. Pênalti marcado e convertido pelo artilheiro Cascata, que bateu com categoria, sem chances para a defesa de Harlei.

Três minutos depois, uma pintura dos visitantes. Renatinho roubou a bola na defesa e acionou Lins, que partiu em velocidade. Ele limpou o primeiro, o segundo, o terceiro e o quarto adversário até invadir a área e bater firme para o fundo do gol.

Aos gritos de 'time sem vergonha', o técnico Ademir Fonseca promoveu a entrada de Max Pardalzinho no lugar de Diniz, mas ainda teve de sacar o goleiro e grande líder do elenco Harlei, que machucou a coxa.

Perdido em campo, o Goiás cometia faltas duras, como a de Guto em Esdras, e ia vendo o ABC cada vez melhor. Aos 40, Lins quase fez outro golaço, mas errou na hora do chute. Nos acréscimos, ele deixou Leandrão na cara do gol, mas o centroavante demorou para chutar, deixando a vantagem em dois gols para o intervalo.

Na etapa final, o panorama mudou. Pressionando desde o início, o time da casa perdeu três grandes chances em sequência, antes dos dez minutos de jogo. Primeiro, Felipe Amorim arriscou de longe e Camilo defendeu. Depois, Guto bateu da entrada da área e o arqueiro fez outra grande defesa.

Camilo ainda fez mais uma boa aparição em falta cobrada por Alan Bahia, no ângulo. Mas ele não foi capaz de segurar a cebaçada de Hugo, aos 23 minutos. O atacante se antecipou à zaga após levantamento de Carlos Alberto e testou firme para diminuir o prejuízo.

Até o apito final, o time da casa pressionou e ameaçou principalmente nas jogadas aéreas, com Hugo, mas não conseguiu vencer a grande noite de Camilo.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 X 2 ABC-RN

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia
Data: 13 de setembro de 2011, terça-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Edmundo Alves do Nascimento (SC)
Assistentes: Marco Antonio Martins e Josué Gilberto Lamim (ambos de SC)
Público: 3.905 pagantes
Cartões Amarelos: Valmir Lucas, Marcinho Guerreiro e Guto (Goiás); Camilo, Renatinho Potiguar, Esdras, Leandrão (ABC)
Gols: Cascata, aos 17, e Lins, aos 21 minutos do primeiro tempo

GOIÁS: Harlei (Pedro Henrique); Douglas, Marcão, Valmir Lucas e Digão; Marcinho
Guerreiro, Alan Bahia, Carlos Alberto e Diniz (Max Pardalzinho); Felipe Amorim e Guto (Hugo) Técnico: Ademir Fonseca

ABC-RN: Camilo; Pio, Rafael Caldeira, Irineu e Renatinho Potiguar; Esdras (Rômulo), Ricardo Oliveira (Chimba), Makelelê e Cascata; Lins (Geilson) e Leandrão
Técnico: Leandro Campos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.