Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Abatido, Hernanes diz que pontapé foi ¿sem querer¿

Segundo meia, árbitro poderia ter sido menos rigoroso em sua expulsão, na derrota do Brasil para a França

Paulo Passos, enviado iG a Paris |

O meia Hernanes classificou como excesso de rigor a decisão do árbitro alemão Wolfgang Stark de expulsá-lo do jogo contra a França. O meia da Lazio deu um chute no peito do atacante Benzema, logo aos 36 minutos do primeiro tempo. Com um jogador a menos, a seleção acabou levando um gol e perdendo a partida.

Apesar da reclamação, o jogador admite que errou no lance. “Eu atingi o peito, é verdade, mas não foi intencional. O árbitro poderia ter visto isso. Foi a minha primeira falta na partida. O lance pareceu um golpe e, por isso, acho que influenciou na decisão”, afirmou.

Visivelmente abatido, Hernanes saiu cabisbaixo do vestiário da seleção brasileira na madrugada desta quinta-feira para dar entrevista no Stade de France, em Saint-Denis. O meia contou que Mano conversou com ele apos o jogo, mas não revelou como foi o papo.

“Conversamos depois do jogo e ele falou alguma coisa a respeito, mas tranqüilo, bola para frente”, disse o ex-são paulino, que foi convocado por Mano três vezes. Ele esteve na lista de estréia do técnico, na partida contra os Estados Unidos. Depois foi chamado para o período de treinos em Barcelona, em setembro, e para o jogo contra a França.

AFP
Hernanes sofre falta antes de ser expulso, na derrota do Brasil para a França por 1 a 0

Hernanes afirmou que não tem medo de ficar marcado pela expulsão e disse acreditar que poderá ser chamado novamente. “Todo jogador está sujeito a passar por um momento como esse. Tem muita coisa para surgir ainda”, afirmou.

O meia vive boa fase na Lazio, clube que passou a defender na última temporada. Apesar do pensamente positivo do jogador, dificilmente ele será chamado para os dois amistosos que a seleção disputará em março.

Como o jogo contra a França foi um amistoso disputado em data Fifa, Hernanes terá que cumprir suspensão no próxima partida do Brasil.

Leia tudo sobre: seleção brasileirahernanesfutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG