Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"99,9% de chances de Ronaldinho jogar no Flamengo", diz Milan

Vice-presidente do clube italiano afirmou que chegou a um acordo com o Flamengo. Jogador ainda não se pronunciou

Vicente Seda, iG Rio de Janeiro* |

O Flamengo chegou a um acordo com o Milan para contratar Ronaldinho Gaúcho. O vice-presidente do clube italiano, Adriano Galliani, esteve reunido com Patrícia Amorim neste sábado no Rio de Janeiro. Após o encontro, no apartamento do italiano, os dois saíram otimistas sobre a ida do jogador para a Gávea.

"Creio que ele vai jogar no Flamengo. Há 99,9% de chances disso acontecer", afirmou Galliani. Ronaldinho tem contrato com o Milan até junho, porém o clube e o jogador já admitiram que ele irá defender uma equipe brasileira em 2011.

nullA presidente do Flamengo também saiu otimista da reunião com o dirigente italiano. "Chegamos a um entendimento com o Milan. Faltam alguns detalhes, que serão resolvidos em dois ou três dias. São coisas que precisam ser acertadas com o jogador. Pode anunciar que chegamos a um entendimento com o Milan. Não é uma negociação tranquila", afirmou Patrícia Amorim.

Além de Patrícia, o vice-presidente geral, Hélio Ferraz, o vice de finanças, Michel Levy, o diretor de marketing do clube, Harrison Baptista, e o vice-presidente de futebol, Luiz Augusto Veloso, foram ao encontro. Em frente ao prédio de Galliani, no bairro do Leblon, jornalistas e até torcedores se aglomeravam à espera de uma notícia.

Ainda neste sábado, os advogados de Ronaldinho Gaúcho irão ao Rio de Janeiro para acertar os detalhes do contrato com o Flamengo. O agente e irmão do jogador, Roberto de Assis Moreira, contiua na cidade. Respaldado pela Traffic, as garantias do clube ao Milan se aproximaram dos quatro milhões de euros. O salário de Ronaldinho será em torno de R$ 1,2 milhão, com possibilidade de atingir R$ 2 milhões com ações de marketing do clube e exploração de imagem (parte que deverá ser conduzida pela Traffic).

Frustação em Porto Alegre
O Grêmio, outro interessado em contratar Ronaldinho Gaúcho, anunciou que neste sábado que está fora da disputa. O clube gaúcho esperava que o jogador e Assis chegassem a Porto Alegre na sexta-feira, o que não aconteceu.

O diretor de futebol da equipe, Antônio Vicente Martins, afirmou, sexta à noite, que tinha "absoluta certeza" no acerto com o atleta. "Não nos assusta (o otimismo do Flamengo). Vamos conseguir a contratação do Ronaldinho. Temos absoluta certeza de que teremos um final feliz. Só precisamos finalizar todos os aspectos do contrato", alegou o dirigente em entrevista à Rádio Gaúcha.

Neste sábado, com a frase de Galliani e a reunião de Assis com Traffic e Flamengo na sexta, o presidente do Grêmio, Paulo Odone, declarou que "está acabado". "Encerramos as tratativas. O Grêmio não tem condições de disputar um craque no mercado. Queríamos repatriar um jogador que nasceu aqui e não foi isto que encontramos".

A manhã deste sábado foi de ansiedade para os dirigentes do Grêmio. A cada notícia vinda do Rio de Janeiro o otimismo passou a dar lugar à dúvida. Nenhum cartola quis se manifestar oficialmente sobre a reunião de Patrícia Amorim com Adriano Galliani antes do resultado do encontro. Tanto que Odone e Martins não foram ao Olímpico, apesar de haver mais um treino da pré-temporada gremista.

Vicente Seda
Jornalistas e até torcedores foram ao prédio de Galiani, no Rio de Janeiro, neste sábado

* colaborou Hector Werlang, iG Porto Alegre
 

 

 

Leia tudo sobre: MilanRonaldinho GaúchoGrêmioPalmeirasFlamengo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG