Levadia venceu o Paide por 8 a 0 pelo Campeonato Estoniano, com direito a três gols de atacante brasileiro

Equipe do Levadia marcou gol contra o Paide sem ter tocado na bola
Reprodução
Equipe do Levadia marcou gol contra o Paide sem ter tocado na bola

Um lance incrível aconteceu no duelo entre FC Levadia e o Paide Linnameeskon (pronuncie este nome sem gaguejar) válido pela 22ª rodada do Campeonato Estoniano. Logo aos 14 segundos de jogo, a equipe do Levadia abriu o placar sem sequer ter tocado na bola.

Leia também: Philippe Coutinho surpreende e pede oficialmente para deixar o Liverpool

O jogo iniciou com a equipe do Paide Linnameeskond tendo a posse de bola e, após vários passes entre seus jogadores no campo de defesa, um recuo errado do jogador Martin Kase pegou o goleiro Magnus Karofeld desprevinido e... gol contra bizarro!

Leia também: Mais maduro e consciente, Ilsinho fala da sua vida nos EUA, onde é astro da MLS

Confira no vídeo abaixo

O jogo no Kadrioru Staadion, localizado na cidade de Tallinn, teve um público de apenas 238 torcedores. No final das contas, o time da casa venceu por 8 a 0, com direito a outros três gols do atacante brasileiro João Morelli , de apenas 21 anos de idade.

Leia também: EUA punem zagueiro Rafa Márquez, ex-Barça, por ligação com narcotráfico

Com a goleada, o Levadia subiu para segunda colocação da liga nacional da Estônia com 51 pontos conquistados, sete a menos que o líder Flora. Já o Paide Linnameeskon tem apenas 17 pontos, na antepenúltima colocação.

"Efeito Neymar"

A venda de Neymar trouxe lucros não só para o Paris Saint-Germain, mas também para todos os outros clubes da Europa que são cotados em Bolsas de Valores . De acordo com uma análise dos mercados, o cenário vem sentindo mudanças desde agosto, quando a maior negociação financeira do mundo do futebol seria concretizada.

Segundo a análise, todos os 16 times que estão cotados em bolsas europeias tiveram crescimento. Para se ter um exemplo da consequência da saída de Neymar do Barcelona, a Lazio cresceu pouco mais de 7% em apenas alguns dias, enquanto o Borussia Dortmund cresceu 11% e a Juventus 14%. Os especialistas apontam que, embora o crescimento médio das equipes entre 3% e 7%, Juve e Borussia tiveram as maiores altas porque podem ser as equipes que vão vender algum de seus jogadores por um alto valor à equipe catalã.


    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.