Pernambucanos voltam à ponta da tabela no critério de desempate. O lanterna Joinville, derrotado pelo São Paulo, é o único time que ainda não fez gol. Palmeiras vacila em casa, mas impulsiona a média de público da rodada

Passadas três rodadas, nenhum time tem mais campanha 100% neste Campeonato Brasileiro. Três equipes ponteiam a tabela com sete pontos, mas é o Sport  que passará a semana na liderança, graças ao saldo de gols superior a Goiás  e Corinthians . Em casa, os pernambucanos bateram o Coritiba  por 1 a 0, na noite deste domingo.

Confira a classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

A terceira rodada do Brasileirão registrou média de público com 13.138 pagantes, tendo o maior número de espectadores registrados mais uma vez no Allianz Parque. Na estreia, contra o Atlético-MG , foram 28.781. Na partida matinal deste domingo, 37.337 pagaram ingressos, mas viram o Palmeiras  ser derrotado pelo Goiás, por 1 a 0.

Leia: Fred vai tirar satisfações com Petros e causa confusão no Maracanã

A média de gols, 1,5 por jogo, foi a mais baixa entre as três primeiras rodadas do Brasileirão 2015, mesmo com apenas uma partida ficando no 0 a 0: o clássico regional entre Fluminense  e Corinthians, no Maracanã - não fosse uma chance incrível perdida pelo atacante peruano Guerrero, a história teria sido diferente. Entre os 20 participantes da Série A, apenas o Joinville , lanterna da competição com apenas um ponto, ainda não desentalou o grito de gol. Já o Vasco  não sabe o que é vencer, nem perder: em três duelos, três empates.

Confira abaixo os destaques da terceira rodada do Brasileirão, encerrada neste domingo:

Um gol perdido que justifica o placar de 0 a 0

Fluminense e Corinthians fizeram um jogo fraco no Maracanã, de muitos erros. O mais impressionante deles saiu dos pés de Guerrero. Acostumado a dar alegrias aos alvinegros, o atacante, que está em fim de contrato, perdeu um gol feito, com Diego Cavalieri fora da meta. Era só dar o mínimo de capricho e sair para o abraço, mas o peruano fez isso:

O lado bom é que o Corinthians se manteve invicto com o empate sem gols no Maracanã, em jogo que marcou a estreia de Enderson Moreira como técnico do Fluminense.

Confusão na Ressacada

O Avaí  venceu por 2 a 1 e colocou o Flamengo  na "confusão" - palavra que o técnico Vanderlei Luxemburgo gosta de usar para definir a zona de rebaixamento -, mas contou com a ajuda da arbitragem. No segundo gol dos catarinenses, marcado por Hugo, o cruzamento partiu de fora do campo, a bola já havia ultrapassado a linha de fundo. Ninguém viu, e os três pontos foram para a conta do time da casa. Veja o lance:

Golaço em Chapecó

A Chapecoense  fez mais uma vítima jogando em seus domínios, desta vez o Santos , derrotado por 1 a 0. O destaque fica por conta do belo gol de Apodi, surpreendendo o goleiro Vladimir. Confira:

Deu tudo certo na Arena do Grêmio

Na primeira partida sem o técnico Luiz Felipe Scolari, que pediu demissão no começo da semana, o Grêmio  foi aguerrido e bateu o Figueirense  por 1 a 0, gol de Braian Rodríguez, na noite de sábado. Teve até drible inusitado. Pouco acostumado a se destacar pela habilidade, Marcelo Oliveira entortou e até deu caneta no marcador. Veja aí:

Um petardo para festejar o novo contrato

Antes da partida contra o Joinville, no Morumbi, o São Paulo  anunciou a renovação de contrato com Michel Bastos até dezembro de 2017. Para comemorar o novo acordo, o camisa 7 marcou um belo gol, o segundo na vitória por 3 a 0. Confira:

Levantou cedo, mas não acordou

O Palmeiras colocou 37.337 pagantes numa manhã de domingo no Allianz Parque, mas o time treinado por Oswaldo de Oliveira parecia estar com sono em campo. Desatenção nos passes, poucas finalizações a gol, riscos desnecessários na defesa. O Goiás, que entrou em campo com o objetivo de se defender e, se possível, puxar alguns contra-ataques, se aproveitou das falhas adversárias e, numa bela jogada individual de Bruno Henrique, fez 1 a 0 com Péricles - no entanto, quem tocou para o gol foi o zagueiro Victor Ramos. Tire suas próprias conclusões sobre o gol esmeraldino:

O bicampeão desencantou

O Cruzeiro  está priorizando as quartas de final da Libertadores, até por isso colocou reservas em campo diante da Ponte Preta , no Mineirão, neste domingo. O empate em 1 a 1 deu ao atual bicampeão nacional seus primeiros ponto e gol no Brasileirão 2015. Um golaço de Charles fez os mineiros desencantarem. Confira:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.