Goleiro do Valencia rompeu o ligamento cruzado do joelho direito no último sábado e foi cortado da seleção brasileira

Neto, goleiro da Fiorentina
Marcelo Machado de Melo/Fotoarena
Neto, goleiro da Fiorentina

Diego Alves não terá condições físicas de defender a seleção brasileira na Copa América, em junho, no Chile. No último sábado, o goleiro do Valencia rompeu o ligamento cruzado do joelho direito  na partida contra o Almería e ficará cerca de seis meses longe dos gramados. Para o seu lugar, o técnico Dunga convocou Neto, da Fiorentina.

Coordenador de seleções da CBF, Gilmar Rinaldi conversou com Diego Alves, que será submetido a uma cirurgia. "Todos nós da comissão técnica desejamos ao Diego uma pronta recuperação, para que volte o mais rapidamente possível às atividades no seu clube", disse.

Neto já integrava a convocação parcial feita por Dunga para a competição, que contempla 30 nomes, embora os 23 a serem inscritos já estavam escolhidos. Os jogadores se apresnetam à seleção brasileira em 1º de junho, na Granja Comary, em Teresópolis.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.