Nenhum visitante vence na rodada, que teve artilheiro-goleiro e estádios vazios

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Diego Souza, do Sport, balançou as redes pela terceira vez no Brasileirão e ainda se arriscou como goleiro. Já Corinthians e Coritiba venceram com gols estranhos

Nenhum time visitante conseguiu vencer na segunda rodada do Campeonato Brasileiro, disputada neste final de semana. Nos dez jogos, foram sete tiunfos dos mandantes e três empates, sendo dois deles sem gols.

Corinthians lidera o Brasileirão. Confira a classificação e os próximos jogos

O maior público foi o do Maracanã, no empate por 2 a 2 entre Flamengo e Sport. 34.459 pessoas estiveram no estádio carioca (28.794 pagantes), para uma renda de R$ 1.058.102,50. Nos outros jogos, pouca presença de torcedores.

Aliás, três partidas não tiveram torcida. Ponte Preta, Joinville e Goiás cumpriram punição da temporada passada e atuaram contra São Paulo, Palmeiras e Atlético-PR, respectivamente, com portões fechados.

Confira os públicos e rendas da rodada:

Coritiba x Grêmio: 11.785 pagantes (13.715 presentes) - R$ 262.550,00
Goiás x Atlético-PR: Sem torcida
Corinthians x Chapecoense: 10.144 pagantes - R$ 501.499,00
Figueirense x Vasco: 11.004 pagantes (11.352 presentes) - R$ 301.650,00
Flamengo x Sport: 28.794 pagantes (34.459 presentes) - R$ 1.058.102,50
Atlético-MG x Fluminense: 11.958 pagantes - R$ 603.364,00
Santos x Cruzeiro: 7.246 pagantes - R$ 250.060,00
Joinville x Palmeiras: Sem torcida
Inter x Avaí: 13.009 pagantes (15.752 presentes) - R$ 340.025,00
Ponte Preta x São Paulo: Sem torcida

Dos times eliminados da Libertadores, Atlético-MG e Corinthians conseguiram vencer, enquanto o São Paulo perdeu fora de casa. O Cruzeiro, que segue na competição continental, também foi derrotado longe de seus torcedores, e o Inter venceu o Avaí no sufoco.

Diego Souza dando uma de goleiro. Ele é artilheiro do Brasileirão com 3 gols. Foto: Reprodução TVMoisés Lucarelli não teve presença de público por conta de punição imposta à Ponte Preta. Foto: Twitter/ReproduçãoArena Joinville também ficou sem torcedores. Foto: Twitter/ReproduçãoSerra Dourada vazio para Goiás x Atlético-PR. Time goiano cumpriu punição. Foto: Twitter/ReproduçãoDiego Souza fez um gol pelo Sport contra o Flamengo e ainda teve que ser goleiro. 2 a 2 no final. Foto: Divulgação MaracanãLance de Sport x Flamengo, no Maracanã. Foto: Twitter/ReproduçãoCoritiba venceu o Grêmio com gol contra bizarro de Erazo. Foto: Twitter/ReproduçãoPalmeiras e Joinville ficaram no zero em Santa Catarina. Foto: Site oficialAlexandre Pato tenta passar pela marcação da Ponte Preta. Foto: DivulgaçãoAtlético-MG atropelou o Fluminense com dois gols de Jemerson. Foto: FlickrRobinho em ação pelo Santos contra o Cruzeiro. Foto: LightpressLucas Lima não fez gol, mas foi o grande nome do Santos na vitória sobre o Cruzeiro. Foto: Twitter/ReproduçãoFigueirense x Vasco, 0 a 0 movimentado em Santa Catarina. Foto: Twitter/ReproduçãoCorinthians venceu a Chapecoense no interior de São Paulo. Foto: Agência CorinthiansInternacional e Avaí duelaram no Beira-Rio. Foto: DivulgaçãoVitinho fez o gol da vitória do Inter. Foto: Site oficialBruno Henrique fez os dois gols do Goiás na vitória sobre o Atlético-PR. Foto: Twitter/Reprodução

Artilheiro-goleiro

Com o gol anotado no empate do Sport diante do Flamengo, o meia Diego Souza assumiu a artilharia do Brasileirão com três gols, ao lado do pontepretano Renato Cajá. E no duelo realizado no Maracanã, o goleador teve que colocar as luvas e arriscar alguns minutos como goleiro, já que o titular Magrão se lesionou e o time pernambucano já havia feito as três alterações.

Mesmo fazendo algumas boas defesas e saindo bem da meta em bolas levantadas na área, Diego Souza viu Everton marcar aos 50 minutos do segundo tempo e decretar o empate. Na saída do gramado, o atleta do Sport reclamou demais e ainda provocou o Flamengo.

Que bizarro!

A rodada marcou também um gol contra bizarro anotado pelo equatoriano Erazo, do Grêmio, na derrota por 2 a 0 contra o Coritiba. Dá uma conferida no vídeo abaixo:

No triunfo do Corinthians por 1 a 0 sobre a Chapecoense, o tento alvinegro também foi, digamos, um tanto quanto sem querer. Fabio Santos chutou de fora da área, a bola desviou na cabeça do colombiano Mendoza e entrou. Assista:


Leia tudo sobre: Brasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas