Morata, que passou pelo Real Madrid e tinha marcado no jogo de ida, foi novamente carrasco do time espanhol e marcou o gol do empate por 1 a 1 no Santiago Bernabéu

Nada de Real Madrid  x Barcelona . Quem enfrentará o time catalão na final da Liga dos Campeões  é a Juventus , que conseguiu um empate por 1 a 1 nesta quarta-feira, no estádio Santiago Bernabéu, e eliminou o Real Madrid por ter vencido o jogo de ida por 2 a 1, na Itália. O duelo Juve x Barça acontecerá no dia 6 de junho, em Berlim, na Alemanha.

Mais uma vez, o carrasco do Real foi o atacante Morata, que teve passagem pelo time espanhol antes de chegar à Juventus. Ele, que marcou um dos gols do jogo de ida, repetiu a dose nesta quarta-feira e decretou o empate. Depois do gol, não comemorou, em respeito aos torcedores madrilenhos. Cristiano Ronaldo, de pênalti, tinha aberto o placar.

No primeiro tempo, o Real Madrid dominou amplamente a Juventus e teve boas oportunidades de marcar, mas cansou de perder chances. Numa delas, teve um contra-ataque de três jogadores contra dois, mas Cristiano Ronaldo desperdiçou ao tentar o passe em vez da finalização.

Dominante, porém ineficiente, o Real Madrid só saiu na frente graças a um pênalti inexistente de Chiellini em James Rodríguez. Cristiano Ronaldo bateu firme, no meio do gol, e abriu o placar.

Na etapa final, enquanto o Real precisava do segundo gol para ter tranquilidade, a Juventus buscava o empate para se salvar. Assim, o jogo ficou aberto, e o segundo gol era questão de tempo. Pois esse tempo chegou para os italianos. Num bate-rebate dentro da área, Evra ganhou de Sergio Ramos pelo alto e ajeitou de cabeça para trás. Morata bateu forte e Casillas ainda tocou na bola antes de ela entrar.

No toma-lá-dá-cá que se seguiu, o Real teve boa chance de empatar em voleio de Bale, após passe de calcanhar de James e cruzamento de Marcelo. De frente para o gol, o galês mandou para fora. Mais tarde, repetiu o erro em cabeçada dentro da pequena área no segundo pau. Já a Juventus perdeu excelente oportunidade com Marchisio, que ficou na cara do gol e viu Casillas fazer uma defesa incrível.

No final do jogo, a esperada pressão do Real Madrid não surtiu efeito. A Juventus, que ainda cricou boa oportunidade com Pogba, bem bloqueada por Casillas, se trancou na defesa, mostrou um pouco da boa e velha retranca italiana e garantiu seu lugar na final.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID 1 X 1 JUVENTUS

Data: 13/5/2015 (quarta-feira)
Horário: 15h45 (de Brasília)
Local: Santiago Bernabéu, em Madri (ESP)
Árbitro: Jonas Eriksson (SUÉ)
Assistentes: Mathias Klasenius (SUÉ) e Daniel Wärnmark (SUÉ)
Cartões amarelos: Isco, James Rodríguez (Real Madrid); Lichtsteiner (Juventus)
Gols:
REAL MADRID: Cristiano Ronaldo, aos 23 minutos do primeiro tempo
JUVENTUS: Morata, aos 12 minutos do segundo tempo

REAL MADRID: Casillas, Carvajal, Varane, Sergio Ramos e Marcelo; Kroos, Isco e James Rodríguez; Bale, Benzema (Chicharito) e Cristiano Ronaldo.
Técnico: Carlo Ancelotti

JUVENTUS: Buffon, Lichtsteiner, Chiellini, Bonucci e Evra; Vida, Marchisio, Pogba (Pereyra) e Pirlo (Barzagli); Morata (Llorente) e Tévez.
Técnico: Massimiliano Allegri

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.