Das cinco equipes brasileiras que estão na fase final da Copa Libertadores 2015, Tricolor é o único com retrospecto recente negativo diante de rivais do mesmo país

O mata-mata da Copa Libertadores 2015  terá dois duelos brasileiros já nas oitavas de final, e outros podem ocorrer mais adiante. Considerando o histórico desde 2000, quando o torneio passou a ter 32 times, só quem tem a temer é o São Paulo , único dos cinco brasileiros com retrospecto negativo diante de compatriotas.

Leia mais:  Mata-mata terá dois duelos brasileiros. Veja todos os confrontos

Ironicamente, até 2006, quando perdeu para o Internacional na final, o São Paulo jamais havia sido derrotado por um brasileiro em mata-mata. Dali para a frente, porém, perdeu seis confrontos e venceu quatro. O que serve de consolo para o são-paulino é o último triunfo, em 2010, foi justamente contra o Cruzeiro , adversário agora nas oitavas de final.

Veja ainda:  Torcedora do São Paulo faz ensaio sensual para comemorar vaga

Duelo entre Inter e São Paulo na Libertadores de 2010: time paulista virou freguês
AP
Duelo entre Inter e São Paulo na Libertadores de 2010: time paulista virou freguês

O Cruzeiro também não tem muito a comemorar, com dois triunfos e duas eliminações frente a brasileiros desde 2000. E, embora tenha caído frente ao São Paulo em 2010, o time mineiro havia levado a melhor contra o mesmo rival no ano anterior. Os dois confrontos ocorreram nas quartas de final. 

O Corinthians , que há alguns anos era motivo de piada na Libertadores, acumula três triunfos e duas eliminações desde 2000. Em 2012, os corintianos passaram por Vasco e Santos na campanha do título inédito. 

Os dois brasileiros com melhor desempenho são também os que menos jogaram contra times locais, Internacional  e Atlético-MG . Ambos têm aproveitamento de 66%, com duas vitórias e uma derrota. Os gaúchos caíram frente ao Fluminense em 2012, e os mineiros foram eliminados pelo Corinthians em 2000.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.