Entidade confirmou os locais da partida nesta segunda. Santos contrariou o desejo da federação e levou jogo para a Baixada

A FPF (Federação Paulista de Futebol) anunciou nesta segunda-feira que as duas finais do Campeonato Paulista serão realizadas no domingo, às 16h, sendo a primeira partida no Allianz Parque, dia 26, e Vila Belmiro, dia 3. Por ter feito a melhor campanha, o Santos joga na condição de visitante o primeiro duelo. 

Santos e Palmeiras protagonizarão as finais do Paulistão
Ivan Storti/Divulgação Santos FC
Santos e Palmeiras protagonizarão as finais do Paulistão

Leia mais:  Palmeiras aumenta valor dos ingressos e cobra até R$ 300 para final com o Santos

A FPF era favorável à utilização do Pacaembu no segundo jogo, já que recebe 5% de lucro dos jogos e a capacidade do Municipal (36 mil) é maior do que a Vila Belmiro (15 mil). O Santos, entretanto, reivindicou pela utilização do seu estádio e fez valer a vantagem de decidir o título na Baixada.

Veja ainda: Sete finais consecutivas: Robinho descarta falta de confiança no elenco: “Sempre acreditamos”

Na última segunda-feira, durante Congreso Técnico na sede da FPF, em tom de brincadeira, o presidente Modesto Roma se despediu de Paulo Nobre, mandatário do Palmeiras, dizendo que esperava reencontrá-lo nesta semana justamente para escolherem os locais das finais. Confiantes, os cartolas demonstraram estar satisfeitos com o desfecho desta tarde. 

Confira a galeria de fotos das semifinais Paulistão-15:


De acordo com o regulamento da competição, os times disputarão a final em dois jogos -turno e returno -  e "sagrando-se campeão aquele que somar o maior número de pontos ganhos, considerados exclusivamente os resultados obtidos nesta fase". Se houver igualdade, o título será decidido através da disputa de pênaltis.

Corinthians é eliminado nos pênaltis para o Palmeiras e vira piada na internet; veja

O Palmeiras é o clube que mais faturou neste Paulistão. Com a média de público pagante de 27.739 por jogo, o clube arrecadou até o momento R$ 11.483.568,11, a frente de Corinthians, São Paulo e próprio Santos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.