Contratado em março, o treinador rompeu com o clube após a derrota para o Rio Branco, pelo Campeonato Paranaense

Enderson Moreira, técnico do Atlético-PR depois da demissão de Claudinei Oliveira
Divulgação/CAP
Enderson Moreira, técnico do Atlético-PR depois da demissão de Claudinei Oliveira

Durou um mês a passagem de Enderson Moreira pelo Atlético-PR . O clube anunciou na manhã desta segunda-feira a saída do técnico, após oito partidas no comando. Ele deixou o comando após a derrota em casa para o Rio Branco por 3 a 1, no último domingo, pelo "torneio da morte" do Campeonato Paranaense.

Goleiro do Botafogo entra no rol de heróis improváveis dos Estaduais: relembre

Sem revelar se o treinador pediu as contas ou foi dispensado, a nota oficial divulgada pelo clube agradece a Enderson pelo trabalho "no período em que ficou à frente da equipe atleticana e deseja sucesso em sua carreira profissional."

Enderson acertou com o Atlético-PR em 18 de março, dias após ser demitido do comando técnico do Santos. Em sua trajetória de oito jogos, obteve três vitórias, três empates e duas derrotas. A equipe lidera o quadrangular que definirá os dois rebaixados no Paranaense, além de avançar à próxima fase da Copa do Brasil após eliminar o Remo nos pênaltis.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.