Atacante terminou Brasileirão 2014 como o segundo que mais cometeu faltas. No Estadual mantém a alta média. Tite defende

Ninguém faz mais faltas do que Guerrero no Paulistão 2015: já são 21 em sete jogos
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Ninguém faz mais faltas do que Guerrero no Paulistão 2015: já são 21 em sete jogos

Paolo Guerrero mantém nesta edição do Paulistão o mesmo estilo agressivo que fez sua fama no Corinthians  desde sua chegada. O atacante é ao lado de Moisés Ribeiro, volante do Linense, o jogador que mais cometeu faltas no Estadual: foram 21 em sete partidas do peruano. O número pode surpreender para um atacante, mas não para Guerrero. 

Segundo o Footstats, Guerrero foi o segundo jogador que mais teve faltas cometidas assinaladas pelo árbitros no Brasileirão de 2014: foram 87. Ficou atrás apenas de outro atacante, Henrique, então no Palmeiras, que fez 94.

Veja a classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Paulista

O atacante já foi abordado sobre assunto algumas vezes e segundo ele o estilo de arbitragem no Brasil o prejudica. Além disso, as novas exigências para um atacante de nível mundial, também tem seu preço. Antes com Tite, depois com Mano Menezes e agora novamente com Tite, o Corinthians inicia sua marcação no campo de ataque. E muitas vezes o "primeiro bote" é do atacante. 

Desde o início da sua trajetória no Corinthians ser o mais faltoso é rotina para Guerrero. No jogo em que marcou seu primeiro gol pelo clube, contra o Botafogo, no Engenhão, em setembro de 2012, ele deixou o campo como o mais faltoso do jogo: foram nove faltas. 

Guerrero não será titular na partida desta quarta-feira contra o São Bernardo, em Itaquera. Ao menos desta vez não será o jogador com mais faltas cometidas (nem sofridas). Ele é o quarto mais "caçado" do Paulistão, com 25 faltas recebidas. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.