Nas quartas de final da Copa do Brasil do último ano, time paulista tinha três gols de vantagem, mas acabou eliminado

Corinthians venceu o Once Caldas pelo placar de 4 a 0 no primeiro jogo, em Itaquera
Getty Images
Corinthians venceu o Once Caldas pelo placar de 4 a 0 no primeiro jogo, em Itaquera

A goleada por 4 a 0 em Itaquera no primeiro jogo contra o Once Caldas deixou o Corinthians muito próximo de carimbar a vaga na fase de grupos da Libertadores . Mas as lembranças de uma eliminação que ocorreu no último ano fazem o grupo pregar cautela para o duelo da volta, que ocorre em Manizales (Colômbia) nesta quarta-feira.

"Nós perdemos para o Atlético-MG depois de abrir 3 a 0 e isso é lição para a gente", disse o volante Ralf. "A gente sabe que 4 a 0 é um placar bom, mas não há nada definido."

Leia também:  Tite se compadece com Once Caldas e repete que vaga não está definida

O revés citado por Ralf aconteceu nas quartas de final da Copa do Brasil de 2014. Depois de vencer o primeiro jogo em casa por 2 a 0, o Corinthians abriu o placar contra o Atlético-MG na segunda partida e aumentou ainda mais a vantagem na busca por uma vaga na fase seguinte. O clube mineiro, contudo, conseguiu fazer quatro gols e reverter completamente a situação, seguindo em frente na competição que acabaria como campeão. 

Veja ainda:  Vagner Love é aprovado em exames e assina contrato com Corinthians

"A gente não pode cometer o mesmo erro", concordou o lateral Fábio Santos, um dos desfalques do Corinthians para a partida desta quarta depois da expulsão no jogo de ida. "O Tite sempre fala das lições que as derrotas dão. E essa do Atlético-MG deve ser lembrada nesse sentido, para não acharmos que já ganhamos a classificação", emendou. 

Caso o Corinthians de fato confirme a classificação, integrará o Grupo 2 da Libertadores, ao lado de São Paulo, San Lorenzo (Argentina) e Danúbio (Uruguai). O primeiro compromisso seria justamente diante do rival local, no dia 18. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.