Equipe de Vanderlei Luxemburgo venceu a segunda no Carioca e chegou a sete pontos na tabela

Artur Maia na vitória do Flamengo sobre o Resende
Divulgação
Artur Maia na vitória do Flamengo sobre o Resende

O Flamengo segue invicto no Campeonato Carioca, Na noite deste sábado, o atual campeão derrotou por 2 a 1 o Resende, em Volta Redonda. Os rubro-negros tiveram muita dificuldade em conquistar os três pontos no Raulino de Oliveira, mas levaram a melhor sobre uma equipe muito bem armada. Com o resultado, os flamenguistas chegaram a sete pontos e se igualam ao Botafogo na liderança do torneio, mas perde nos principais critérios de desempate. Já a equipe do sul fluminense perdeu a primeira partida na competição e segue com quatro pontos na classificação.

Veja classificação, jogos, notícias e artilharia do Campeonato Carioca

Após um primeiro tempo movimentado, mas sem gols, o Flamengo conseguiu abrir vantagem com tentos de Anderson Pico e Alecsandro. No entanto, o lateral rubro-negro também marcou contra para o Resende. Mesmo assim, a equipe da Gávea saiu de campo com a vitória.

Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar a Cabofriense, nesta quarta-feira, no Maracanã, às 22 horas (de Brasília). No mesmo dia, o Resende terá pela frente o Madureira, em Conselheiro Galvão, às 17 horas (de Brasília).

A partida começou movimentada em Volta Redonda. O Resende surpreendeu o Flamengo com boa marcação na saída de bola e impedia os avanços dos rubro-negros. Os donos da casa aproveitavam os erros de passe dos visitantes para rondar a área em diversas situações. A primeira boa chance do duelo aconteceu aos dez minutos. Jeferson Silva arriscou de fora da área, e a bola passou perto do gol de Cesar.

O Flamengo, aos poucos, melhorou em campo e conseguiu responder aos 17 minutos. Pará cruzou, a zaga desviou errado e obrigou o goleiro Arthur a espalmar para tirar a bola da direção de Nixon. O lance animou os rubro-negros, que voltaram a assustar quarto minutos depois. Marcelo Cirino roubou a bola de um defensor e finalizou para boa defesa de Arthur. O arqueiro do Resende deu rebote, mas se recuperou e antecipou nova finalização do atacante flamenguista.

A melhora do Flamengo não mudou a postura do Resende, que voltou a criar uma oportunidade aos 24 minutos. Após lateral cobrado na área, a zaga cortou mal, e Marcel chutou, mas por cima do travessão. Quatro minutos depois, em contra-ataque rápido, Jeferson Silva foi lançado pela direita e chutou cruzado. O goleiro Cesar fez boa defesa, deu rebote, mas a zaga rubro-negra estava atenta para tirar o perigo.

Aos 31 minutos, o Flamengo voltou ao ataque e teve a melhor chance do jogo. Everton recebeu passe de Arthur Maia e cruzou rasteiro para Wallace. O zagueiro chegou como surpresa e chutou na saída de Arthur. Para azar dos rubro-negros, a zaga tirou o gol pouco antes da linha.

Assim como na etapa inicial, o segundo tempo começou movimentado. O Flamengo não permitiu ser surpreendido e criou a primeira chance aos três minutos. Após cruzamento, Nixon cabeceou e quase encobriu o goleiro Arthur, que conseguiu se esticar para fazer a defesa. A resposta do Resende veio dois minutos depois. Depois de escanteio, Cesar saiu mal e viu Admilton cabecear no travessão.

O confronto seguia equilibrado, com as duas equipes em busca do ataque. Os rubro-negros tiveram nova oportunidade de marcar aos 15 minutos. Marcelo Cirino foi lançado na área, finalizou, mas em cima de Arthur, que salvou os donos da casa. Porém, dois minutos depois, o Flamengo abriu o placar no Raulino de Oliveira. Anderson Pico recebeu na entrada e chutou no canto esquerdo de Arthur, que foi atrapalhado por Everton e viu a bola ir para a rede.

O revés fez o Resende buscar mais o ataque e deixar espaço na defesa. Com isso, o Flamengo teve mais facilidade de avançar nos contra-ataques. Tanto que, aos 27 minutos, Marcelo Cirino acabou derrubado na área, e o árbitro marcou pênalti. Alcesandro cobrou com categoria para fazer o segundo gol rubro-negro.

Quando parecia que os três pontos estavam garantidos, o Resende conseguiu diminuir aos 30 minutos. Após cruzamento rasteiro de Marcel, Anderson Pico tentou cortar, mas acabou colocando para a própria rede.

Na parte final, o Flamengo não deixou o Resende crescer na partida. Os rubro-negros se mantiveram no ataque e desperdiçaram algumas boas chances de fazer o terceiro. O Resende, quando avançava, não conseguia passar pela marcação. Assim, os visitantes puderam segurar o resultado até o apito final.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.