Marquinhos sofre com a forte concorrência no PSG, o Porto ficou pequeno para Danilo e Ramires e Paulinho perderam espaço no futebol inglês. Mudar é a única forma de crescer

A janela de transferências no futebol europeu se fechou no início desta semana. Para quatro jogadores brasileiros, essa é uma má notícia. Mudar de clube faria muito bem aos volantes Ramires e Paulinho, ao zagueiro Marquinhos e ao lateral direito Danilo, cujas carreiras estacionaram em seus clubes atuais. É hora de dar um passo adiante.

Leia mais: Coadjuvante, Brasil protagoniza só duas grandes negociações na Europa

Ramires, Chelsea

Ramires: hora de recomeçar fora do Chelsea
Scott Heavey/Getty Images
Ramires: hora de recomeçar fora do Chelsea

O volante Ramires já viveu dias melhores no Chelsea . Presença constante entre os titulares nos últimos anos, perdeu espaço desde a chegada de Fábregas e começou jogando apenas cinco partidas na atual temporada. 

Veja também:  B rasileiros vão de descartáveis a imprescindíveis na Europa

Juventus  e Real Madrid  chegaram a cogitar a contratação do volante durante a janela de janeiro, mas o brasileiro não se animou. “Fico lisonjeado de ter meu nome comentado nessa equipes, mas não fui informado sobre nenhuma negociação. Estou completamente focado no Chelsea”, disse ele.

Fato é que Ramires é coadjuvante em seu clube e está em baixa no mercado da bola. De acordo com o site Transfer Markt , ele se desvalorizou cerca de 2 milhões de libras  (R$ 8 milhões) no ano passado, e a presença constante no banco de reservas pode aumentar essa queda. A mudança para um clube no qual fosse protagonista empurraria para cima a carreira do volante de 27 anos.

Paulinho, Tottenham

Paulinho: sem espaço no Tottenham
Julian Finney/Getty Images
Paulinho: sem espaço no Tottenham

Paulinho nunca foi unanimidade no Tottenham . Contratado por 17 milhões de libras (R$ 68 milhões) em 2013, teve um início promissor, mas em pouco tempo começou a perder espaço e hoje é mero figurante. Foi titular em apenas cinco jogos nesta temporada, somente um deles pelo Campeonato Inglês, prioridade do time.

Milan , Inter de Milão  e Juventus surgiram como possíveis destinos, e a mudança para o futebol italiano, onde os talentos são escassos atualmente, colocaria o volante em evidência. Porém, tudo não passou de especulação. “O Paulinho não recebeu nenhuma proposta oficial e ninguém pediu informações sobre sua situação na Inglaterra”, disse o empresário Giuliano Bertolucci.

Enquanto não deixa o Tottenham, o volante vê seu valor de mercado despencar. Ele já se desvalorizou 3,5 milhões de libras (R$ 14 milhões) desde que chegou a Londres, segundo o Transfer Markt . Na temporada atual, o desempenho dele é o terceiro pior dentre todos os atletas do elenco, com nota 6,3 no site Who Scored . Aos 26 anos, Paulinho precisa se mexer, sob risco de desperdiçar o que seria o auge da carreira.

Marquinhos, PSG

Marquinhos: dura concorrência de brasileiros
Christophe Ena/AP
Marquinhos: dura concorrência de brasileiros

O zagueiro Marquinhos poderia ser titular incontestável em algumas das principais equipes do futebol mundial. Manchester United  e Barcelona , por exemplo, sonham com o jovem brasileiro, mas o PSG  não admite vendê-lo. O problema é que no clube francês, embora badalado, ele perde a disputa por espaço com os compatriotas David Luiz e Thiago Silva.

Leia ainda:  Melhor zaga do mundo atua pouco e números do PSG pioram na temporada

Marquinhos foi titular em 12 jogos do PSG na campanha atual, apenas dois a menos que Thiago Silva. É um bom número, mas ele foi beneficiado por uma lesão do titular, que ficou fora de ação durante dois meses no início da temporada.

O Manchester United chegou a fazer uma proposta de 35 milhões de libras (R$ 140 milhões) pelo jogador, mas ela foi recusada pelo Paris Saint-Germain. Mostra que Marquinhos é valorizado pelo próprio clube e pelo mercado da bola, já que chegou a Paris por 30 milhões de libras (R$ 120 milhões) em 2013. Tudo indica que a vez de Marquinhos chegará, mas numa outra equipe isso pode ocorrer muito mais rápido.

Danilo, Porto

Danilo: valorizado no Porto, mas não basta
Jasper Juinen/ Getty Images
Danilo: valorizado no Porto, mas não basta

O Porto  ficou pequeno para o lateral direito Danilo. Alvo de Barcelona e Real Madrid na última janela de transferências, o brasileiro precisa mudar de ares se quiser ser reconhecido como um dos melhores da posição. E isso, para o bem do próprio jogador, está perto de acontecer.

Em dezembro, o jornal português A Bola chegou a citar uma oferta de 50 milhões de euros (R$ 165 milhões) do Barcelona, mas não passou de especulação. Como o clube catalão foi punido pela Fifa e está impedido de assinar com qualquer jogador na próxima janela, o Real leva vantagem nessa disputa. Mas é possível que ganhe concorrentes.

Danilo é titular absoluto do Porto, que tenta inclusive ampliar o contrato dele, hoje válido até 2016. A mudança para um clube mais forte, porém, é um salto natural na carreira. Pode, inclusive, ajudar a torná-lo incontestável na seleção brasileira, da qual virou titular desde que Maicon foi punido pela comissão técnica de Dunga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.