Se no passado recente Santos pagou R$ 42 milhões por Damião e Corinthians investiu R$ 40,5 em Pato, cenário atual no mercado da bola brasileiro é bem diferente

Agora no Flamengo, Marcelo Cirino protagonizou a transferência mais cara no futebol brasileiro em 2015 até aqui
Divulgação/Site oficial do Flamengo
Agora no Flamengo, Marcelo Cirino protagonizou a transferência mais cara no futebol brasileiro em 2015 até aqui

Em 2014, o Santos contratou Leandro Damião por R$ 42 milhões. No ano anterior, o Corinthians desembolsou R$ 40,5 milhões e ficou com Alexandre Pato, enquanto o São Paulo , no fim de 2012, tirou Paulo Henrique Ganso do time da Vila Belmiro por R$ 24 milhões. Passado recente bem diferente do cenário atual do futebol brasileiro. Endividados, os clubes fecharam seus cofres e os antes badalados reforços deram lugar a investimentos mais modestos para 2015.

Marcelo Cirino foi protagonista da principal transferência no País até agora. Em parceria com a Doyen Sports, a mesma que ajudou a colocar Damião no Santos, o Flamengo comprou 50% dos direitos econômicos do ex-atacante do Atlético-PR  por R$ 16,5 milhões. Por sua vez, o Atlético-MG  buscou Lucas Pratto, que estava no argentino Velez Sarsfield, por R$ 13,5 milhões. Esses são os únicos negócios finalizados que superam R$ 10 milhões.

Mercado da bola:  veja as transferências que movimentam o futebol brasileiro

Ainda negociando para ter Dudu como reforço, o Corinthians fez oferta de R$ 13,5 milhões para o Dínamo de Kiev. Só este valor, porém, já é superior aos R$ 10 milhões previstos pela equipe para investimentos neste ano. Em 2014, o time do Parque São Jorge também estourou seu orçamento: foram gastos R$ 7 milhões a mais que o disponível com o acerto de Elias.

Santos teve ajuda de parceiro para contratar Leandro Damião por R$ 42 milhões no ano passado
Divulgação
Santos teve ajuda de parceiro para contratar Leandro Damião por R$ 42 milhões no ano passado

Ao contrário de grandes investimentos de temporadas passadas, o pé no freio está sendo a principal marca da atual janela de transferências. O Palmeiras , que no último ano desembolsou R$ 14 milhões por Allione e Cristaldo - sempre com a ajuda de parceiros -, só precisou colocar a mão no bolso em uma de suas nove contratações: o atacante Leandro, ex- Chapecoense . O valor não foi revelado, mas é menor que os R$ 6,5 milhões cobrados pelo Mirassol pelos direitos de Henrique.

O São Paulo, que fez alguns dos principais investimentos no passado recente, só realizou um investimento em 2015: pagou R$ 6,1 milhões ao Goiás por 40% do volante Thiago Mendes. Os outros quatro reforços já anunciados chegaram sem custos. O rival Santos, por outro lado, ainda não fechou com ninguém.

Crise financeira na Unimed pode tirar Conca do Fluminense nos próximos dias
Matheus Andrade/Photocamera
Crise financeira na Unimed pode tirar Conca do Fluminense nos próximos dias

Sem o dinheiro da ex-parceira Unimed após rompimento em dezembro, o Fluminense é outro em contenção de gastos. Dos sete nomes já fechados, nenhuma grande contratação. E o clube pode ainda perder Conca, desejado por São Paulo, Corinthians e Shandong Luneng, equipe chinesa treinada por Cuca. O Vasco , de volta à Série A do Campeonato Brasileiro, acertou cinco reforços, mas nenhum de peso.

Além da crise financeira das equipes, uma possível explicação para a redução no ímpeto na hora de ir ao mercado é a menor participação dos investidores. Em comparação com outros anos, 2015 não teve tantos fundos dispostos a colocar dinheiro em atletas - o que pode ser um prenúncio do que irá acontecer quando a nova norma da Fifa, que impede a participação de terceiros nos direitos econômicos de atletas, entrar em vigor.

PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS PAGAS DE 2015
Marcelo Cirino - Flamengo - R$ 16,5 milhões
Lucas Pratto - Atlético-MG - R$ 13,5 milhões
Thiago Mendes - Goiás - R$ 6,1 milhões
Joel - Cruzeiro - R$ 2,5 milhões

PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE 2014
Leandro Damião - Santos - R$ 42 milhões
Giuliano - Grêmio - R$ 18,4 milhões
Alan Kardec - São Paulo - R$ 14 milhões
Elias - Corinthians - R$ 12 milhões
Cristaldo - Palmeiras - R$ 8 milhões
Allione - Palmeiras - R$ 6 milhões

PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE 2013
Alexandre Pato - Corinthians - R$ 40,5 milhões
Montillo - Santos - R$ 16,3 milhões
Diego Tardelli - Atlético-MG - R$ 14 milhões
Dedé - Cruzeiro - R$ 14 milhões
Souza - Grêmio - R$ 10,2 milhões
Renato Augusto - Corinthians - R$ 9,5 milhões
Gil - Corinthians - R$ 9,5 milhões
Dagoberto - Cruzeiro - R$ 8,2 milhões

PRINCIPAIS TRANSFERÊNCIAS DE 2012
Paulo Henrique Ganso - São Paulo - R$ 24 milhões
Vagner Love - Flamengo - R$ 22,8 milhões
Marcelo Moreno - Grêmio - R$ 18 milhões
Thiago Neves - Fluminense - R$ 16 milhões
Jadson - São Paulo - R$ 16 milhões
Cortez - São Paulo - R$ 8 milhões
Barcos - Palmeiras - R$ 7 milhões

Assista também ao Papo na Redação sobre como anda o mercado em 2015:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.