De acordo com Henk ten Cate, que foi assistente de Frank Rijkaard, argentino está infeliz no clube espanhol há dois anos

Lionel Messi, atacante do Barcelona
Getty Images
Lionel Messi, atacante do Barcelona

A insatisfação do atacante Lionel Messi no Barcelona não é recente. De acordo com Henk ten Cate, que foi assistente técnico do holandês Frank Rijkaard no clube espanhol, o argentino já está frustrado há algum tempo e só não mudou de ares por causa de uma promessa.

Leia também:  Chelsea oferece R$ 810 milhões para contratar Messi, diz jornal

"Pelo o que sei, os problemas de Messi começaram há dois anos, e ele só está ainda no Barcelona porque prometeu no leito de morte de Tito Vilanova que ficaria lá", afirmou Cate ao jornal holandês De Telegraaf , referindo-se ao ex-técnico do Barcelona que morreu em abril de 2014, aos 45 anos, vítima de um câncer na glândula parótida.

Veja ainda:  Castigo de Luís Enrique a Messi e Neymar põe Barcelona em crise rara

"Acho que a saída é a melhor solução para ambas as partes. Messi está no Barcelona há muitos anos e necessita de um novo desafio. O seu valor de mercado ainda é bastante alto, mas só tende a baixar a partir de agora", completou o ex-auxiliar do clube espanhol.

Segundo o site transfermarkt , especializado em finanças do futebol, Messi está avaliado em 120 milhões de euros. É o maior valor de mercado do planeta, ao lado do português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid.

A crise com o atual técnico do Barcelona, Luis Enrique, e o fato de ter seguido a conta do Chelsea no seu Instagram fizeram crescer os rumores sobre uma transferência de Messi ao time inglês. Quem também está disposto a entrar na briga para tirar o argentino do Camp Nou é o PSG.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.