Tamanho do texto

Em má fase, centroavante do Milan quase não balançou as redes nesta temporada e só teve algumas boas atuações na seleção da Espanha durante a Copa do Mundo

Enrique Cerezo, presidente do Atlético de Madrid, admitiu a possibilidade do atacante Fernando Torres retornar ao clube em janeiro, na janela de transferências no inverno europeu. Depois de se transferir do Liverpool para o Chelsea em 2010, o espanhol viu seu rendimento cair consideravelmente. Atualmente está emprestado ao Milan.

" De Torres não está concluído, mas não que dizer que não venha a estar. Temos uma grande equipe e todas as posições bem preenchidas, mas até ao encerramento do mercado poderemos fazer alguma contratação. Temos um grande time e vamos lutar pelos três títulos esta época", disse o dirigente, referindo-se ao Campeonato Espanhol, à Taça do Rei da Espanha e à Liga dos Campeões.

Em má fase, Torres quase não balançou as redes nesta temporada e só teve algumas boas atuações na seleção da Espanha durante a Copa do Mundo. Quando José Mourinho trouxe Diego Costa, Drogba e Remy para o Liverpool, o atacante se viu sem espaço e foi emprestado ao Milan, mas a situação continuou ruim: em dez jogos pela equipe italiana, Torres marcou apenas um gol, no dia 23 de setembro, contra o Empoli.

A atuação no Milan levou a mídia italiana a acreditar que o jogador será devolvido ao Chelsea em janeiro. Como a equipe não tem interesse de ficar com o atleta, caso isso ocorra, o espanhol pode ser libertado de graça.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.