Técnico trabalhou com o meia no Fenerbahçe, da Turquia, e acredita que ele não abandonará as causas do Bom Senso FC

Quando o árbitro Marcelo de Lima Henrique apitar o fim da partida entre Coritiba x Bahia, neste domingo, no Couto Pereira, o futebol brasileiro perderá um pouco de seu brilho. Pode até parecer exagero, mas despedir-se de Alex é dizer adeus ao talento e a figura de um ídolo que está cada vez mais escasso no país. Seja pela desenvoltura e inteligência dentro de campo ou simplesmente pela espontaneidade com as palavras, o meia colecionou admiradores por onde passou. A aposentadoria agora é também sinônimo de saudade.

Contra o J. Malucelli, Alex disputou o milésimo gol da carreira
Site Oficial do Coritiba
Contra o J. Malucelli, Alex disputou o milésimo gol da carreira

Leia também:  Alex marca golaço em seu último treino no Coritiba como jogador profissional

Alex, que jamais foi convocado para uma Copa do Mundo, não precisou passar pela seleção brasileira (embora tenha Copa América no currículo 1999 e 2004) para se tornar ídolo de três clubes no Brasil - Coritiba, Cruzeiro e Palmeiras - e ser idolatrado no Fenerbahçe, da Turquia. Sincero, o canhoto não é elogiado somente pelos torcedores, mas também por quem ele considera um ídolo: Zico.

Galinho, que trabalhou com Alex na Turquia de 2006 a 2008, não economiza no discurso quando é para falar sobre o amigo. Em entrevista exclusiva ao iG Esporte , o técnico lembrou dos conselhos táticos e mandou recado ao jogador. "Trabalhar com ele foi importante. Passamos dois anos de grandes conquistas, aprendizado. Além dos títulos, o fato de você conviver o dia a dia com pessoas da capacidade dele é sempre bom. Eu acho que consegui diferenciar a parte do atleta, do ídolo para o treinador, e procurei colocar com que ele visse também a importância dele na carreira, Na equipe, algumas mudanças de posicionamento que ele deveria ter, o colocando como capitão da equipe e ele prontamente aceitou e cumpriu muito bem. Desejo sucesso a ele naquilo vai seguir em frente, porque tenho um carinho e admiração muito grande por ele".

O meia Alex vai se aposentar no fim de 2014
Heuler Andrey/Getty Images
O meia Alex vai se aposentar no fim de 2014

A amizade entre Alex e Zico se fortaleceu na Turquia, principalmente depois de o meia fazer um convite especial ao comandante. "Certamente o momento mais marcante para mim, foi a oportunidade de ter sido convidado para passar o reveillon na casa dele. Eu estava sozinho lá em Istambul e, não é fácil a relação de comandante e comandando, aquele convite acabou solidificando a nossa amizade. Ter participado do convívio familiar dele, acho que estreitou a amizade que existe até hoje", recordou.

Hoje trabalhando na Índia, Zico acredita que Alex não deixará o futebol e seguirá lutando por melhorias junto ao Bom Senso FC. "O fato dele parar não faz ele abandonar aquilo que ele tão bem começou, que foi a questão dos problemas da classe, essa participação dele no Bom Senso FC. Acho que ele vai continuar contribuindo para o futebol com suas grandes ideias. Toda vez que um grande jogador, dentro e fora de campo, se aposenta o futebol perde. Mas perde pela metade".

Sem medo de bater de frente com a CBF, Alex se despedirá dos gramados na tarde deste domingo com o pensamento de dever cumprido. E deveria ser diferente?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.