Atualmente, Osvaldo, Ademilson e Ewandro são únicos os jogadores do elenco tricolor que têm essa característica

Muricy Ramalho, técnico do São Paulo
Gazeta Press
Muricy Ramalho, técnico do São Paulo

O São Paulo investiu alto em jogadores renomados em 2014, mas o técnico Muricy Ramalho quer mais para 2015. Segundo o comandante, o seu elenco atual - que perderá o meia Kaká para o Orlando City, dos Estados Unidos - só ficará preparado para disputar a Copa Libertadores da América com a chegada de mais reforços. Especialmente um atacante rápido.

Para ter chance na Libertadores, Muricy volta a pedir contratações no São Paulo

"Indiquei gente para todos os setores. Menos volantes, porque já temos muita gente boa ali, além de contar com a volta do Rodrigo Caio. Mas ainda precisamos de jogador para a defesa, de um meia para o lugar de Kaká e de um atacante de velocidade", avisou Muricy.

O técnico gastou mais saliva para falar do seu desejo para o setor ofensivo são-paulino. "Fizemos muitos gols neste ano e tivemos bastante posse de bola, tudo bem, mas falta velocidade para surpreender o adversário. O futebol de hoje exige isso. É uma necessidade nossa", argumentou.

Atualmente, Muricy conta com Luis Fabiano, Alan Kardec e Alexandre Pato como principais referências para montar o seu ataque - o último deles, emprestado pelo Corinthians, perdeu espaço no final da temporada. Osvaldo tem a velocidade que o técnico quer, mas não o prestígio. Os pratas da casa Ademilson e Ewandro são as demais alternativas.

Muricy não se cansa de cobrar os dirigentes, não só publicamente, para ver o seu leque de opções aumentar. "Converso todos os dias com eles. Não dou sossego para ninguém. Sou um pouco chato com isso", reconheceu, embora paciente. "Eles estão trabalhando. Sei que é difícil porque não indiquei jogadores mais ou menos. São todos bons. Disputaremos a Libertadores e seremos cobrados por isso, então precisaremos de um time à altura. Hoje, a gente não tem uma equipe para a Libertadores", advertiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.