Tamanho do texto

Argentino que dirigiu o Palmeiras este ano negocia com a seleção que surpreendeu na última Copa do Mundo

O técnico Ricardo Gareca
Mauro Horita/ Agif/Gazeta Press
O técnico Ricardo Gareca

Surpresa da última Copa do Mundo, em que figurou, de maneira inédita, nas quartas de final, a seleção da Costa Rica poderá ter como novo comandante um conhecido dos brasileiros. O mais cotado para assumir o posto deixado por Jorge Luís Pinto é o argentino Ricardo Gareca, ex-técnico do Palmeiras .

Nesta segunda-feira, Gareca destacou o desejo de assumir a seleção e revelou esperar a concretização do acerto ainda nesta semana. "Dirigir a Costa Rica é minha prioridade. Porém, estar à frente de uma seleção de magnitude e em fase de crescimento requer dedicação. Por isso, terei que resolver questões pessoais antes", afirmou.

O argentino de Tapiales está na Costa Rica desde o último domingo, e terá uma reunião com o presidente da federação de futebol do país, Eduardo Li, na noite desta segunda-feira. "Aceitei o convite de conhecer o país e espero chegar a um acordo contratual. Eles despertaram a simpatia do mundo inteiro. Todos gostaram do último mundial desempenhado por esses jogadores. Estou feliz por ser uma das opções", explicou.

Árbitro russo nega ofensa racial contra Hulk e cogita ir à Justiça se defender

Demitido do Palmeiras em setembro, contabilizando um desempenho abaixo do esperado, Gareca conquistou três títulos do Campeonato Argentino pelo Vélez Sarsfield (2009, 2011 e 2012), além de levar o clube de Liniers até as semifinais da Copa Libertadores e da Sul-Americana.

Comandada interinamente pelo ídolo Paulo César Wanchope, ex-centroavante da seleção, a Costa Rica também tem como alvo para assumir o comando técnico Miguel Ángel Russo, profissional com vasta carreira na Argentina, onde dirigiu clubes como Boca Juniors, San Lorenzo, Estudiantes e Rosário Central.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.