A eleição, marcada para 7 de fevereiro do próximo ano, terá um total de três candidatos: Roberto de Andrade, representando a situação; Paulo Garcia e Ilmar Schiavenato, pela oposição

Paulo Garcia novamente concorre à presidência do Corinthians
Bruno Winckler/iG
Paulo Garcia novamente concorre à presidência do Corinthians

O último candidato das eleições presidenciais do Corinthians , marcadas para o dia 7 de fevereiro do próximo ano, foi confirmado por aquela que é tida como a principal chapa da oposição. Paulo Garcia é o candidato indicado a concorrer com Roberto de Andrade e Ilmar Schiavenato.

A candidatura de Garcia estava encaminhada desde o início da semana, descartando a possibilidade de Antônio Roque Citadini - provável vice-presidente da chapa, denominada Pró-Corinthians - concorrer. Na tarde de sexta-feira, o nome que encabeça a candidatura foi divulgado oficialmente.

Leia mais sobre o Corinthians no iG Esporte

Filho de Damião Garcia - fundador do grupo Kalunga, do qual Paulo é um dos herdeiros -, o candidato da Pró-Corinthians tem aparecido nas últimas eleições do clube. Ele apresentará a composição de sua chapa em evento programado para a próxima terça, no Pacaembu.

Embora próximo do situacionista Andrés Sanchez, Paulo Garcia tentará derrubar o grupo que detém o poder alvinegro desde 2007. Mário Gobbi sucedeu Andrés, que espera ver Roberto de Andrade eleito. Ilmar Schiavenato chegou a participar da atual diretoria antes de se desligar para buscar a presidência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.