Tamanho do texto

Na carta, os jogadores relatam três meses sem remuneração, além de falhas na estrutura do clube

Após a greve realizada na quinta-feira , na qual os jogadores do Náutico jogaram futevôlei na praia com a camisa do time, o grupo alvirrubro voltou aos treinos nesta sexta após receber o valor equivalente à imagem de agosto e o salário da carteira de setembro. Porém, o elenco mostrou sua insatisfação em nota oficial.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B do Brasileiro

Na carta, os jogadores relatam três meses sem remuneração, além de falhas na estrutura do clube. Os atletas também criticaram o diretor de futebol, José Barbosa, que foi chamado de "mentiroso".

Entretanto, o grupo não deixou de pedir desculpas aos torcedores pela atitude de jogar futevôlei na Praia de Boa Viagem com a camisa do clube, quando se recusaram a treinar em forma de protesto.

Confira a nota oficial completa divulgada pelo elenco:

Nós jogadores viemos a público emitir esta nota para mostrar nossa insatisfação com tudo que passamos até o momento e esclarecer a todos os acontecimentos.

Em primeiro lugar gostaríamos de dizer que o Náutico é um grande clube de futebol e não merece estar passando por esta situação. Se viemos jogar aqui, é por que acreditamos no clube, sabemos da grandeza do Náutico e viemos dar o nosso melhor. Infelizmente a imagem do clube está sendo manchada por algumas pessoas que não estão sabendo cuidar do clube, e que está piorando com o passar do tempo.

Chegamos ao limite, pois estamos cansados de ouvir promessas e não ser cumpridas. Vamos abrir a real situação de atraso salarial do clube: São 3 meses de salários atrasados para todos os atletas e todos os funcionários do futebol profissional. Além de alugueis dos atletas e passagens de funcionários.

Além disso, durante o ano, faltou uma estrutura mínima para todo o trabalho. Em vários setores do clube, comprometendo a qualidade do trabalho e o êxito nos jogos. Também, alguns jogadores lesionados, deixaram de ser pagos, após a lesão por estarem no DM. Em fim, foi um ano muito difícil para nós.

Em meio a tudo isso, sabendo do esforço de alguns diretores, é inadmissível o diretor do clube, o sr. Barbosa, falar que já existem várias contratações com tantos débitos pendentes conosco. O Próprio diretor em várias vezes deu entrevistas falando mentiras e enganando a todos os torcedores do Náutico. Mesmo sem vir ao nosso local de treino e estar presente no dia a dia. É tanto, que este diretor perdeu o respeito de todos os atletas.

Mas, mesmo com todos esses problemas, nunca deixamos de treinar ou jogar, de honrar a camisa desse grande clube e tentar o acesso a todo custo, buscando o melhor para o clube e tentarmos dar alegrias aos torcedores.

Queremos também exaltar todos os funcionários do clube, que independente dos atrasos e dificuldades pessoais, cumpriram com seus deveres e sempre estiveram a disposição dos atletas.

Chegamos ao nosso limite quando tivemos uma resposta negativa ontem sobre o que foi combinado e tivemos que não treinar para mostrar nossa total insatisfação com isso, e só tomamos essa decisão por que não tínhamos mais chance de acesso ou rebaixamento, porém queremos pedir desculpas ao torcedor por nossa atitude errada em expor o material do clube em lugar inadequado.

Por fim, queremos pedir desculpas mais uma vez aos torcedores por não termos dado a alegria que merecem, e pedir para continuar apoiando o clube de tanta tradição, cobrando melhorias, cobrando uma gestão com mais responsabilidade, e acima de tudo, colaborando com o clube e torcendo em todos os momentos.

Recife, 28 de novembro de 2014.

Jogadores do elenco profissional

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.