Sem atuar desde março por conta de uma grave lesão no joelho direito, ex-goleiro do Barcelona vinha treinando no Manchester, mas sofreu nova contusão

Sem atuar desde março por conta de uma grave lesão no joelho direito, Victor Valdés vinha treinando por conta própria junto do elenco do Manchester United, no intuito de retomar a carreira, mesmo sem garantia de vínculo com o clube inglês. Lutando contra o tempo para readquirir a forma física e voltar a jogar, aproveitando que o titular De Gea está fora de combate por ter deslocado o dedo, Valdes sofreu uma nova lesão ligamentar no joelho e só deve voltar aos gramados depois do Natal.

Após se lesionar pelo Barcelona, Valdes rompeu o vínculo com o clube azul-grená já no fim do contrato e, apesar de ter sido especulado como reforço do Monaco, seguiu acompanhando o futebol de fora. Desde outubro o arqueiro espanhol vem treinando em Old Trafford e Louis Van Gaal dá indícios de que os diabos vermelhos devem contratá-lo para a próxima temporada.

Ainda fora de forma e vítima de um novo desgaste na articulação do joelho, Valdes seguirá em tratamento junto à delegação do United, enquanto caberá ao jovem Ben Amos substituir o titular De Gea, que vinha em ótima fase. Acerca dos desfalques, que não se restringem somente a Valdes, Van Gaal admite que tanto ele quanto os jogadores deram o seu melhor para saírem vitoriosos do clássico contra o Arsenal, neste sábado.

"Penso que fiz as decisões certas, o resultado positivo sempre dá a você a razão ou não. Não pude fazer nada demais porque não tinha muitos jogadores. Shaw recuperou o físico e foi para o jogo, mas se machucou. Coloquei Young, que não estava bem para jogar noventa minutos, mas se esforçou. Eu penso que os jogadores foram muito bem, pois estão muito desgastados e deram o seu máximo contra um bom time, que é o Arsenal", comentou o técnico.

Além de Valdes e De Gea, o Manchester United tem outros jogadores lesionados para a sequência do Campeonato Inglês. Alguns, inclusive, sofreram contusões quando serviam às seleções nacionais e acabaram complicando a vida de Van Gaal. São eles Dí Maria, Daley Blind, Michael Carrick, Falcao García, Luke Shaw, Marcos Rojo, Rafael, Phil Jones, Ashley Young e Jonny Evans.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.