O renomado português Pedro Proença, com diversas participações em Liga dos Campeões, chega ao Marrocos representando o continente europeu. Não há brasileiros

Pedro Proença, árbitro português que vai apitar no Mundial de Clubes deste ano
Getty Images
Pedro Proença, árbitro português que vai apitar no Mundial de Clubes deste ano

Em relação divulgada nesta segunda-feira, por meio do site oficial da entidade, a Fifa anunciou a lista dos árbitros que irão apitar o Mundial de Clubes, que assim como no último ano, vai ser realizado entre os dias 10 e 20 de dezembro, no Marrocos. Foi selecionado um árbitro em cada continente, sendo o mais experiente da lista o marfinense Noumandiez Doue, de 44 anos que, por sua vez, representa o continente que sedia a competição - o africano.

Assim como a equipe do Western Sydney Wanderers, que chegou ao Mundial pela primeira vez graças à ampliação - e à conquista - da Liga Asiática, o árbitro australiano Benjamin Jon Williams também garantiu sua vaga para participar do torneio representando a Ásia. Ao passo que, curiosamente, o taitiano Norbert Hauata foi encarregado de representar a Oceania.

Pela América do Norte, Central e Caribe, o guatemalteco Walter López foi convocado, tendo apenas 34 anos e chegando com o rótulo de árbitro mais novo do torneio. Em contraposição à juventude de um, temos a experiência de outro. O renomado português Pedro Proença, com diversas participações em Liga dos Campeões da Europa, chega ao Marrocos representando o continente europeu e, ao lado do colombiano Wilmar Roldán, é o juiz com mais experiência em competições internacionais.

Além da equipe australiana, que chega ao seu primeiro Mundial de Clubes três anos após a formação - e formalização - como agremiação esportiva, a competição irá contar com San Lorenzo, campeão da Libertadores, e Real Madrid, atual campeão da Liga dos Campeões, além de Cruz Azul, ES Sétif, Moghreb Tétouan e Auckland City, clube neozelandês com maior número de participações em Mundiais de Clubes - seis no total, contra duas do Real Madrid.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.