Tamanho do texto

Hazard erra cobrança, e time de Mourinho ficou apenas no 1 a 1. De virada, o Sporting venceu por 4 a 2

Depois de ter aplicado uma goleada por 6 a 0 sobre o Maribor na Inglaterra, o Chelsea foi à Eslovênia nesta quarta-feira para enfrentar o mesmo adversário, mas não teve a mesma facilidade da rodada anterior e ficou apenas no empate por 1 a 1, no estádio Ljudski vrt.

Lateral brasileiro Filipe Luís, do Chelsea, tenta passar pela marcação de Stojanovic, do Maribor
AP Photo/Nikola Solic
Lateral brasileiro Filipe Luís, do Chelsea, tenta passar pela marcação de Stojanovic, do Maribor

Confira a tabela completa da Liga dos Campeões

O time dirigido por José Mourinho pressionou muito os donos da casa e até perdeu um pênalti com Hazard. Em partida com atuação inspirada do goleiro Handanovic, o Maribor saiu na frente no jogo com um golaço do meia Ibraimi, ainda no primeiro tempo. Porém, depois do intervalo, Matic igualou o placar. Os visitantes tiveram a chance de virar no fim, mas a falha na cobrança do pênalti impediu a vitória.

Mesmo com o empate, o Chelsea segue na liderança do grupo G, com oito pontos, enquanto o Maribor aparece agora na lanterna da chave, com três, ainda sem ter vencido.

No mesmo grupo, o Sporting deixou a última posição com a vitória por 4 a 2 sobre o Schalke 04, em Portugal. Os alemães continuam na segunda posição, com cinco pontos.

O jogo - 

O Chelsea começou pressionando os donos da casa, segurando a bola na frente. Logo no primeiro minuto, a defesa do Maribor afastou errado cruzamento de Filipe Luis, mas Willian e Drogba não puderam aproveitar. Pouco depois, Fabregas cruzou da esquerda, e Zouma cabeceou com muito perigo, raspando a trave. No lance seguinte, Drogba arriscou da entrada da área, a bola desviou na zaga e quase enganou o goleiro, que conseguiu fazer boa defesa.

O time anfitrião só conseguiu passar do meio-campo depois dos dez minutos iniciais. Terry bloqueou a primeira batida dos adversários, mas a melhor chance dos donos da casa saiu aos 14. Em grande jogada, o brasileiro Tavares deixou três marcadores para trás e, mesmo em boas condições para finalizar, tocou na esquerda. A bola saiu com muita força para Zahovic, que teve de passar para trás. Sallalich chegou para finalizar, mas o chute parou em Zouma.

No lance seguinte, Filipovic concluiu de fora da área e viu a bola ficar com Cech depois de desvio no meio do caminho. O Chelsea suportou os avanços do time esloveno e continuou melhor. Schurrle ainda perdeu gol diante do gol aberto, em cruzamento de Willian, mas o árbitro já havia marcado também impedimento corretamente. No entanto, o time inglês diminuiu o ritmo e passou a permitir o trabalho da defesa adversária.

Além das dificuldades em avançar, José Mourinho ainda temeu perder um de seus titulares, pois Drogba sentiu dor no pé direito e precisou de atendimento fora de campo, até que foi liberado para voltar. Mesmo com o marfinense, o Chelsea só teve mais uma boa chance na etapa, quando Hazard limpou a marcação e arrematou com o pé esquerdo, para boa defesa do goleiro Handanovic.

No intervalo, Mourinho mostrou que não gostou da atuação de sua equipe e fez duas alterações, tirando Willian e Schurrle para as entradas de Oscar e Diego Costa. No entanto, o time inglês foi surpreendido aos 5 minutos da etapa final. Depois que a zaga do Chelsea afastou cruzamento, a bola sobrou na entrada da área pela direita para Ibraimi, que finalizou no ângulo, marcando um golaço.

Pouco depois, Mourinho usou sua última alteração, trocando brasileiros. Filipe Luis deixou o jogo para a entrada de Ramires. Porém, o Maribor seguiu perigoso. Viler fez o cruzamento da esquerda, e Zahovic chegou livre na segunda trave, mas concluiu para fora e perdeu grande oportunidade.

Mesmo com o susto, o Chelsea continuou mais presente na frente e foi recompensado. Aos 28, depois de cobrança de escanteio de Fabregas, Terry desviou de cabeça e Matic completou para fazer o gol do empate. Apenas dois minutos depois, Oscar colocou Hazard sozinho na área, mas Handanovic fez a defesa.

Os Blues não se contentaram e pressionaram. Diego Costa dominou na área e soltou um chute muito perigoso, mas Handanovic se esticou para espalmar. Em seguida, o árbitro marcou impedimento inexistente de Fabregas, que passou para Diego Costa fazer gol. O lance foi anulado de forma equivocada.

Perto do fim do jogo, o árbitro marcou pênalti sobre Hazard. O mesmo jogador assumiu a responsabilidade para fazer a cobrança, mas bateu muito fraco, no meio, e facilitou a defesa de Handanovic.

Sporting vira contra Schalke - 

O Sporting conseguiu sua primeira vitória nesta fase de grupos da Liga dos Campeões nesta quarta-feira. Depois de ter iniciado a rodada na lanterna do grupo, o time de Lisboa conseguiu o triunfo por 4 a 2 sobre o Schalke 04.O clube alemão saiu na frente no placar na partida em Portugal. Choupo-Moting mandou a bola para a área do Sporting, e o zagueiro argelino Slimani cabeceou contra o próprio gol, aos 17 minutos do primeiro tempo.

Porém, o time português conseguiu a virada. Ainda no primeiro tempo, aos 26, Sarr completou para o gol depois de assistência de Adrien Silva. Já na etapa final, aos sete, o lateral esquerdo brasileiro Jefferson, ex-Palmeiras e Fluminense, recebeu passe de Nani para marcar o segundo gol.

Aos 23, o time de Lisboa ampliou a vantagem com Nani. O Schalke ainda esboçou a reação, com gol de Dennis Aogo. Porém, aos 45, Slimani se redimiu do erro no início do jogo e fez o quarto gol para acabar com qualquer risco na partida.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.